Bem vindos

Missão

Tentar destacar os melhores (ou os piores), nas diferentes temáticas, criando um espaço de livre debate.

terça-feira, 19 de julho de 2011

Empresa Canadiana Descobre Ouro em Vila Nova de Cerveira

Descoberta de Ouro em Portugal
Ouro - Metal Precioso descoberto em Portugal por Empresa Canadiana
A Empresa Canadiana Avrupa Minerals Ltd. descobre ouro em Vila Nova de Cerveira, mais concretamente, no decorrer de trabalhos de prospecção realizados na Freguesia de Covas.


As prospecções decorrem na Freguesia de Covas, numa área em que já funcionaram as  antigas minas de volfrâmio de Covas, fechadas há 20 anos.
Os trabalhos de prospecção da Empresa Canadiana Avrupa Minerals na Freguesia de Covas tiveram inicio no ano de 2009 e estão a ser financiadas poela Empresa Blackheath, Empresa associada da Avrupa Minerals neste processo.
Segundo a notícia avançada, a Empresa de prospecção Canadiana anunciou que os trabalhos já permitiram confirmar a presença de tungsténio e agora de ouro. Confirma ainda, para o final do ano o início das operações de escavação no local, depois de garantido o investimento necessário para os trabalhos.
Estes trabalhos decorrem numa área das antigas minas de volfrâmio de Covas, desactivadas há cerca de vinte anos e entretanto selada, através de um investimento de 1,6 milhões de euros

THE BESTS expressa aqui o desejo de que o filão de ouro agora descoberto seja suficientemente grande, de modo a justificar uma exploração viável na Freguesia de Covas, Concelho de Vila Nova de Cerveira.
Esperamos pois que novas covas sejam abertas no Freguesia de Covas, para que tragam à luz do dia muitas dezenas de Kg do precioso metal, já que a Economia da Região beneficiaria, assim como a própria Economia Nacional.
Trascrevemos excerto da notícia publicada em sol.sapo.pt:
"A canadiana Avrupa Minerals acaba de anunciar ter descoberto ouro em trabalhos de prospecção realizados na freguesia de Covas, Vila Nova de Cerveira, que poderá ser em quantidade «significativa», lê-se no site oficial da empresa.

Em causa está uma área de cerca de 900 metros de comprimento por 100 metros de largura, na antiga mina de Volfrâmio de Covas, entretanto desactivada.

A empresa esclarece que das 44 amostras recolhidas no local em estudo, 43 apresentavam presença de ouro e o melhor resultado chegava a um valor de 10.2 gramas de metal precioso por tonelada.
A empresa acrescenta que “a assinatura geográfica” das amostras de rocha recolhida em Covas são “similares” ás de outras prospecções que estão em curso nos Estados Unidos e Canadá."

Fonte: sol.sapo.pt
Enviar um comentário