Bem vindos

Missão

Tentar destacar os melhores (ou os piores), nas diferentes temáticas, criando um espaço de livre debate.

terça-feira, 26 de junho de 2018

Será Verdade?????? Será???? Que VERGONHA!!!!!

Vejam este vídeo e PASMEM!!!!


E quem o diz é José Azevedo Pereira, que foi director da AT durante sete anos!!!!
E depois existe CRISE!!! E que a pague quem menos pode!!!!

Continua Zé Povinho a votar nos CANALHAS do Costume. CONTINUA!!!!
JMP


domingo, 10 de junho de 2018

ETER9 - NOVA ERA DIGITAL - Imortalidade Digital - Vida Eterna Virtual - Chegou a NOVA ERA com a Rede de Vida Social Digital Eterna Criada pelo Português Henrique Jorge

Chegou a NOVA ERA com a Rede de Vida Social Digital Eterna Criada pelo Português Henrique Jorge.
ETER9 marca o Início de uma Nova Era Digital em que é possível manter Vivo e Imortalizar o Digital!

Já é possível a Vida Eterna, embora de forma virtual!
A nova Rede Social ETER9 nasceu em Viseu, é de autoria de Henrique Jorge e permite manter vivo o digital! Tem por base a Inteligência Artificial e permite a "Imortalidade" Digital! Presentemente conta com 60 mil utilizadores, mas no ano de 2020 espera-se que atinja os 10 milhões.

Ao entrar na primeira Rede que permite a "imortalidade", ETER9, podemos ler:
- "INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL 
ETER9 é uma rede que se baseia no conceito de Inteligência Artificial, encontrando-se actualmente em fase BETA.
Mesmo na tua ausência, os seres virtuais vão publicando, comentando e interagindo contigo de forma inteligente.

CONTRAPARTE 
A Contraparte é o teu "Eu" virtual. Na tia ausência, ela irá agir como se estivesses presente. Vai aprender cada acção que faças e quanto mais interagires na rede, mais ela aprenderá.

CIBER ETERNIDADE
Eternizar é uma forma de guardares para sempre os teus pensamentos e as tuas publicações.
Estás curioso? Vem conhecer a tua Contraparte e torna-te eterno.
Desafia o impossível."
Ref.as: https://www.eter9.com/auth/login
https://observador.pt/especiais/a-historia-do-portugues-que-nos-quer-por-a-viver-para-sempre-como-em-black-mirror/


THE BEST Felicita o Criador Henrique Jorge pela Qualidade e pelo Potencial do Inovador Projeto que marca o início de uma NOVA ERA DIGITAL
THE BEST antevê um Grande Futuro para o Projeto de Origem Nacional e acreditamos que  estamos perante um PROJETO GANHADOR E DE GRANDE SUCESSO MUNDIAL nos tempos que se avizinham! 

Bem Haja!!
THE BEST


"Came the NEW ERA with the Digital Social Life Eternal network created by the Portuguese Henrique Jorge. 

ETER9 marks the beginning of a new Digital Era in which it is possible to keep Alive and Immortalize the Digital! 

It is already possible to eternal life, although in virtual form! 

The new Social Network ETER 9 was born in Viseu, is authored by Henry George and allows you to keep alive the digital! Is based on Artificial Intelligence and allows the "Immortality" Digital! Currently has 60 000 users, but in the year 2020 is expected to reach 10 million.  

On entering the first network that allows "immortality", ETER9, we can read:
-"ARTIFICIAL INTELLIGENCE ETER9 is a network that is based on the concept of Artificial Intelligence, and is currently in BETA. Even in your absence, virtual beings go publishing, commenting and interacting with you intelligently. 
COUNTERPARTY the counterparty is your "I". At aunt absence, she will act as if you were present. You will learn every action you do and the more you interact on the network, the more she will learn. 
CYBER ETERNITY Perpetuate is one way to keep forever your thoughts and your publications. Are you curious? Come meet your Counterpart and become eternal. Challenge the impossible. " 

REF.: https://www.eter9.com/auth/login
https://observador.pt/especiais/a-historia-do-portugues-que-nos-quer-por-a-viver-para-sempre-como-em-black-mirror/

THE BEST Congratulates the creator Henry George for the quality and the potential of Innovative project that marks the beginning of a new DIGITAL ERA.  The BEST predicts a big future for the design of national origin and we believe that this is a project WINNER and great WORLDWIDE SUCCESS in the days ahead.   
Thank You!! 
THE BEST

quarta-feira, 6 de junho de 2018

A Vergonhosa Caça à Multa em Portugal!!!!

Num país onde os escândalos de Corrupção e a Ladroagem desenfreada proliferam, desde há muitos anos a esta parte, prejudicando GRAVEMENTE o desenvolvimento do País, o bem-estar e nível de vida da maioria dos Portugueses, eis que, as autoridades, em vez de investigarem esses Grupos Criminosos, se preocupam, de uma forma desajustada e às escondidas, com o passar de Multas de Trânsito!!!!! INCRIVEL!!!!!
É uma verdade que, ao que parece, estando a classe Politica Refém desses grupos Criminosos, seja algo natural que a preocupação que tenham com o fenómeno da Corrupção e da Vil ladroagem que, pelos escândalos dos ultimo anos, parece proliferar nos meios onde esses agentes Políticos se vêm envolvidos, seja NULA!!!! Agora, instigarem a passagem de Multas, incentivando para isso as ditas autoridades rodoviárias a recorrerem a táticas impróprias e imorais, como esconderem-se em vias rápidas e, designadamente, autoestradas de modo a captarem, à “Socapa”, veículos que possam ir em excesso de velocidade, sem qualquer tipo de tolerância, é, de Facto, um ato VERGONHOSO e Repressivo e mais uma forma de sobrecarregar quem já é tão Castigado pela Imensidão de Impostos Elevadíssimos e pela Vergonhosa perca de direitos e rendimentos a que os Portugueses tem sido sujeitos nestes últimos anos!!!!
Isso não é digno de pessoas que foram eleitas pelo Povo e com a estrita responsabilidade de defenderem os interesses do povo. Isso não pode ser um País que se diz desenvolvido!!! Isto é uma amostra de civilização onde uma Cambada de “xicos expertos” sem escrúpulos prolifera “sem lei nem roque” e, de uma forma completamente desenfreada, “chulam” as pessoas e, acima de tudo, aqueles que trabalham (ou tentam trabalhar) honestamente!!!!

Isto é mesmo uma VERGONHA!!!! Esconderem Radares numa Autoestrada (A23), que apenas será a mais cara, ou uma das mais caras, da Europa, onde quase não passam veículos e ainda por cima com limites de velocidade irrisórios????? Só mesmo em Portugal!!!! Sim, porque se um veiculo é apanhado a 150 km/h, 170 km/h, 190 km/h, 200 km/h ou mais, com toda a razão deverá ser castigado!!!!! Agora a 134 km/h e 136 km/h???? Numa Autoestrada Vazia???? Mas que “Merda” de mal vai a fazer????? Causou prejuízo a alguém????? Isto é prevenção Rodoviária????? Ou será REPRESSÃO Pura e Crua?????

Sr. Primeiro Ministro, ainda sou filiado no seu partido, e queria continuar a acreditar que este país, com esta classe politica, ainda poderia ter solução!!! Mas fique sabendo que, após ter sido vilmente castigado, e posso afirmar que, talvez, de uma forma ilegal, pois não vi em lado nenhum da via onde, supostamente, cometi um Crime tão vil e Grave (A23, onde circulei praticamente sozinho durante todo o troço da mesma (+ de 200 km)) por ir a, pasme-se,  a 134 km/h e 136 km/h, num veiculo com pouco mais de 3 meses de idade e em perfeitas condições de funcionamento e segurança, fiquei com a certeza que também o senhor, a ser esta situação do seu conhecimento, é corresponsável nesta tramoia, no mínimo Desonesta e Imoral de Prejudicar e Sobrecarregar cada vez mais os Portugueses Honestos!!!! Pois, porque os desonestos arranjarão uma forma de não pagarem!!!
Fica escandalizado e Envergonhado pelo facto de o seu outrora “amigo” e ex-camarada do nosso partido se ver envolvido em escândalos de corrupção (possivelmente outros haverá que, como ele, também terão muito que explicar) e Não se revolta com este Castigar Constante de Portugueses, que a única coisa que pretendem é continuarem a ser trabalhadores Honestos e Cumpridores das suas Obrigações???? Será que não se sente Envergonhado por Esta enorme Injustiça de colocar radares Escondidos para caçar “Multas”????? É esta a sua noção de Prevenção Rodoviária?????
Parece-me que, infelizmente, no castigo de austeridade contraproducente e injusta sobre os portugueses, não difere muito dos outros políticos que também por aí passaram!!!! Mas não se preocupe!!! Como não me identifico com pessoas que conseguem ser cúmplices, já que mais não seja pelo seu silencio ou não ação, destas práticas desajustadas, Desonestas e Imorais, Irei enviar-lhe o meu cartão de militante para que possa mete-lo onde bem entender”!!!! Com toda a certeza que outros partidos haverá que gostarão do meu voto!!!! E com isto não estou a ir contra a lei ou a querer algum tipo de perdão!!!! Até porque irei pagar as multas que me passaram!!! Apenas considero Desumano, Imoral e VERGONHOSO que apenas se castiguem as infrações menores e irrisórias e que, possivelmente, na maioria dos casos, são cometidas de forma inadvertida e por quem, realmente, é Honesto e trabalhador!!! Não sei se em Portugal o Crime Compensa!!!!! Mas de uma coisa eu começo, realmente, a aperceber-me, Ser Honesto em Portugal é que parece não Compensar!!!!
Ahh!!!!! A não ser que com estas praticas imorais, queira tentar arranjar o dinheiro necessário para poder dar, aos funcionários a quem querem Roubar 9 anos, 4 meses e 2 dias da sua atividade profissional, aquilo a que têm, Realmente, Direito!!!! Olhe que as Eleições estão aí à Porta!!!! Admire-se se tiver alguma surpresa!!!
Digo mais!!! Contribuía com a minha passagem pela Autoestrada A23 (e outras) muitas vezes mas, depois desta, NUNCA mais a Utilizarei!!! Aconselho TODA a Gente a Não Utilizar a (s) Autoestrada(s) deste Pais!! Sei que não é fácil, no entanto, acredito se esta gentinha, que pensam que (des)governam este Pais, se virem sem os rendimentos vergonhosos das Portagem acrescido do rendimento das multas caçadas de forma Imoral e ás Escondidas, talvez se apercebam que têm de mudar de tática!!!
Ainda mais uma coisinha, já viajei por muitas Autoestradas Europeias e NUNCA fui multado por excesso de velocidade!!! E isto porquê??? Porque como nesses países o interesse é a Prevenção Rodoviária, as patrulhas das autoridades e os Radares estão bem visíveis!!!! A isso Chama-se Civilização!!!


JMP

sexta-feira, 18 de maio de 2018

PS deixou cair Sócrates! E será que basta? Será que é só Sócrates?


No dia 4 de maio de 2018, José Sócrates, antigo secretario geral do partido Socialista e (infelizmente) Ex - 1º ministro de Portugal durante 6 Longos anos, envolvido na Operação Marques onde é acusado de Corrupção, decidiu desfiliar-se do partido Socialista!
Até que enfim, embora acreditemos que não foi com intenção de aliviar o partido de qualquer pressão, que vemos uma atitude mais ou menos “Decente” a este individuo!!
Para o THEBESTS nada do que tem vindo a publico nestes últimos anos, relacionado com a Operação Marquês e que envolve esta personagem, é novidade ou nos surpreende!!
O THEBESTS, desde 2011 que vem alertando para as Canalhices que este senhor cometeu, não só contra os Portugueses, mas também contra a base estrutural de Portugal, empenhando futuras gerações em prol da Ganância de meia dúzia de Criminosos!!!
Embora achemos que as posições assumidas, ao mais alto nível, por alguns elementos do PS, principalmente pelo 1º Ministro António Costa, são as mais adequadas e as que melhor defendem o partido, a democracia e, acima de tudo Portugal, pecam por Muito Tardias!! Assusta-nos que apenas possam ter sido tomadas pela posição de alguns dos fundadores do partido, como António Campos (quem é?), Arons de Carvalho (quem é?), Alfredo Barroso (quem é?) .
O que será que estes senhores, à semelhança de muitos outros, profissionais da politica, tentam Defender??? Será José Sócrates??? Porquê??? Será porque, Acharão normal um Individuo começar a viver, MUITO ACIMA da MÉDIA, com dinheiros de AMIGOS??? Uhh!!!! Não parece ser uma razão lógica e plausível!!! Se calhar, a justiça deveria investigar, também e muito bem, estes srs.(e muitos outros)!!! Dá a sensação que estão com receio de que o tal “Sócrates” possa não querer cair sozinho e possa começar a contar algumas das muitas coisas que, acreditamos, saberá!!!
Mas os defensores de “Sócrates” englobarem pessoas Muito conhecidas na “nossa praça” já não nos admira porque, até um individuo que ocupou os cargos Mais Altos da Nação, mário soares, defendeu publicamente este individuo, não tendo colocado sequer a hipótese de poder existir, realmente, culpa!!! Não nos podemos esquecer que este senhor, responsável pela gestão deste País durantes décadas, quer como 1º ministro, quer como presidente da republica, é um dos responsáveis (se calhar o mais responsável) pelo estado a que os diferentes setores da sociedade chegaram, incluindo o sistema de justiça existente em Portugal, e os agentes de autoridade que ele próprio parece nunca ter respeitado.
Parece-nos, pois, que, a politica, dará a algumas pessoas que nela estão envolvidos, alguma sensação de superioridade e impunidade que os impede de ver os limites daquilo que deverão ser as ações normais e Legais de qualquer pessoa, seja ela qual for, que viva num Estado de Direito.
Concordamos com a eurodeputada socialista Ana Gomes que, este caso de “sócrates” deverá permitir uma reflexão geral dos socialistas!!!
Esperemos que a Justiça “continue” a fazer o seu caminho e os seus agentes as suas Obrigações e que, sem Interferência politica, independentemente de quem sejam, as pessoas que vierem a ser consideradas culpadas (sócrates e outros), sejam realmente responsabilizadas e condenadas pelos seus atos! Só assim estará Garantido o Estado de Direito Democrático!!

JMP

quarta-feira, 4 de abril de 2018

CRISTIANO RONALDO - Simply THE BEST

03-04-2018 - 1/4 Final Liga dos Campeões - Juventus 0 - 3 Real de Madrid
CRISTIANO RONALDO - SIMPLY THE BEST
Tina Turner: Simply THE BEST
Ref.ª: https://www.record.pt/multimedia/fotogalerias/detalhe/quanto-subiu-cristiano-ronaldo-para-marcar-golo-de-bicicleta-uma-barbaridade.html#/0

Desmistificar: Receita Fiscal vs Carga Fiscal em 2017 - Confusão por Ignorância ou por Má Fé?...

04-04-2018 - Receita Fiscal vs Carga Fiscal em 2017
O conceito de Carga Fiscal está associado ao de RECEITA FISCAL e está lançada a confusão! "Tecnicamente a carga fiscal é o rácio simples entre o total de impostos e contribuições obrigatórias (por exemplo para a segurança social) e o produto interno bruto gerado numa economia num mesmo período (habitualmente um ano)".
Ref.ª: https://economiafinancas.com/2014/conceito-de-carga-fiscal-nao-se-deixe-enganar-por-uma-conclusao-mal-formada/

A subida da Carga Fiscal pressupõe em princípio o aumento da taxa em impostos (IRS, IRC, IVA, etc) mas não necessáriamente, já que a melhoria da atividade económica interna, mas também externa, é que tem sido o motor do AUMENTO DA RECEITA FISCAL!

O alegado aumento da taxa em impostos em 2017 é uma ilusão criada para denegrir e descredibilizar, mas Felizmente que no ano de 2017 houve sim um forte aumento da Receita Fiscal impulsionado pela melhoria da atividade económica em Portugal e também no exterior!

Segundo noticia divulgada em dn.pt de 25 de janeiro de 2018, no ano de 2017 o Estado Português arrecadou mais de 42 mil milhões de euros em impostos, ou seja, a Receita Fiscal foi superior a 42 mil milhões de euros, mais concretamente, 42 180,4 milhões de  euros, o que representa mais 1 937 milhões do que em 2016, correspondendo a um acréscimo de 4,8%.

Na sequência deste forte aumento da receita fiscal em 2017, ou por ignorância ou por má fé, muita confusão e muito alarmismo têm sido criados e lançados nos últimos dias sobre a opinião pública. Se não for por ignorância, só pode ser mesmo com o intuito de denegrir e de descredibilizar a política económica e fiscal do atual executivo que tão bons resultados tem permitido alcançar! 

Em prol da verdade e de um conhecimento técnico de rigor, perante tamanha campanha de intoxicação, vergonhosa e difamatória que intencionalmente ou não está a ser criada e lançada sobre a opinião pública, tomámos a liberdade de contactar diversos especialistas que connosco colaboram, no sentido de desmistificar tamanha confusão e de esclarecer devidamente os cidadãos!

Vejamos pois a diferença entre o que é o aumento da atual receita fiscal e o que é o aumento da carga fiscal:
 1 - A receita fiscal consiste na entrada de dinheiro nos cofres do Estado, proveniente da cobrança de impostos diretos que são os que incidem sobre os rendimentos (ex. IRS, IRC) e de impostos indiretos, que são todos os restantes impostos (ex. IVA, IUC, ISV, IMI, Impostos sobre combustíveis, tabaco, bebidas alcoólicas, etc);
2 - Obviamente que se no ano de 2017 a atividade económica melhorou, verificou-se um aumento do volume de vendas e dos rendimentos das empresas, bem como um aumento do volume das exportações,  foram criadas novas empresas que geraram a criação de novos postos de trabalho, o número de trabalhadores no ativo aumentou, o número de desempregados diminuiu e o rendimento das famílias aumentou;
3 - A conjugação dos pontos 1 e 2, permitiu que o Estado Português aumentasse fortemente a cobrança de impostos diretos e indiretos, sem no entanto ter que aumentar a carga fical que incide sobre os portugueses (aumento das taxas de IVA, IRS, etc). Quanto muito poderá ter havido um pequeno aumento na taxa de IMI sobre o património imobiliário de maior valor, mas que no entanto não tem praticamente qualquer expressão na receita fiscal global;
4 - Ao contrário do que muitos nos querem fazer crer, o forte aumento da receita fiscal não foi conseguido através do aumento da taxa de impostos diretos e indiretos, mas  sim devido à melhoria da atividade económica!  
Se o poder de compra da população melhora, a atividade económica também melhora, uma vez que o consumo das famílias aumenta, as vendas e rendimentos das empresas também aumentam, são criados novos postos de trabalho e também novas empresas, a competitividade das empresas portuguesas melhora e o volume de exportações aumenta também. 
O número de desempregados diminui, a população ativa aumenta, os rendimentos das famílias melhoram, o poder de compra melhora e todo o ciclo económico positivo tende a manter-se;
5 - CONCLUINDO, O AUMENTO DA RECEITA FISCAL, NÃO ESTÁ NECESSARIAMENTE  ASSOCIADO A UM AUMENTO DE AUSTERIDADE E ESTAMOS PERANTE UM BOM EXEMPLO DISSO!!! 

Alcançando-se a atividade económica em Portugal que é a atual (2017/2018) e que descrevemos no ponto quatro, é normal que a receita de impostos diretos e indiretos aumente substancialmente, sem que tenha de ser necessário aumentar a taxa de impostos diretos e indiretos

Um aumento da carga fiscal pressupõe em princípio um eventual aumento da austeridade, mas aqui não é o caso, uma vez que tal como já foi referido anteriormente, PRESENTEMENTE EM PORTUGAL REGISTA-SE UM SAUDÁVEL AUMENTO DA RECEITA FISCAL comparativamente com anos anteriores, MAS NÃO SE TRATA DE UM AUMENTO NAS TAXAS DE IMPOSTOS COBRADOS NEM DE UM AUMENTO DA AUSTERIDADE!!!

Estado arrecadou mais de 42 000 ME em Impostos em 2017
Valor concretiza um aumento de 4,8% em relação ao ano anterior. O novo imposto adicional ao IMI valeu 129,9 milhões de euros.
O Estado arrecadou 42.180,4 milhões de euros em impostos em 2017, mais 1.937 milhões de euros (4,8%) do que em 2016, divulgou esta quinta-feira a Direção-Geral do Orçamento (DGO).
Segundo a Síntese de Execução Orçamental, os impostos diretos (IRS, IRC e outros) totalizaram 18.331,6 milhões de euros, mais 583,9 milhões de euros (3,3%) do que em 2016.
A entidade liderada por Manuela Proença diz que o aumento dos impostos diretos se deve sobretudo ao "desempenho de IRC [mais 9,9% para 5.748,7 milhões de euros] que permitiu fazer face à quase estagnação da receita de IRS [+0,1% para 12.231,5 milhões de euros]".
De acordo com a síntese de execução orçamental divulgada hoje, para a variação dos outros impostos diretos contribuiu o adicional ao IMI (Imposto Municipal sobre Imóveis) com 129,9 milhões de euros, cobrado pela primeira vez em 2017, "que absorveu a menor cobrança registada pela Contribuição Extraordinária sobre o setor energético (-52,1 milhões de euros) e pela Contribuição sobre o setor bancário (-34,6 milhões de euros)".
Em 2016, e segundo dados da DGO, a contribuição sobre a energia rendeu 92,3 milhões de euros e a sobre a banca totalizou 205,1 milhões de euros.
Já no que diz respeito aos impostos indiretos, o Estado arrecadou 23.848,8 milhões de euros, mais 1.353,3 milhões de euros do que em 2016. Esta subida de 6% ficou acima da previsão do Governo de 5,6% e foi principalmente explicada pelo crescimento da receita de IVA (5,9%), que totalizou 15.976,7 milhões de euros (mais 894,2 do que no conjunto de 2016).
A DGO salienta ainda o comportamento favorável de todos os impostos, com exceção do Imposto sobre o Tabaco (IT), cuja receita caiu 70,1 milhões de euros, destacando as subidas da receita dos impostos sobre os Produtos Petrolíferos (ISP), em 3,2% para 3.364,4 milhões de euros, sobre os Veículos (ISV), em 12,7% para 756,8 milhões de euros, e de Selo (IS), em 5,4% para 1.469,2 milhões de euros.
"Relativamente ao ISV, o crescimento da receita (+85,1 milhões de euros) foi justificado pelo forte incremento que se tem vindo a verificar desde o ano transato nas vendas de veículos automóveis", justifica a entidade liderada por Manuela Proença.
Ainda nos impostos indiretos, destaque para o crescimento do Imposto sobre as bebidas alcoólicas e açucaradas, que cresceu 44,2% (mais 85,5 milhões de euros), para 279,2 milhões de euros, o que foi "fortemente explicado pela tributação das bebidas açucaradas", que teve início em 2017.

Princípio da Ética Desportiva, Código da Ética Desportiva e Lei de Bases da Atividade Física e do Desporto (LBAFD) vs Violência no Desporto

Na sequência dos acontecimentos e notícias menos simpáticas que nos últimos tempos têm sido divulgados na comunicação social a propósito de factos ocorridos no fenómeno desportivo nacional, mais concretamente ao nível do Futebol Nacional mas fora das quatro linhas, no dia de ontem, 03/04/2018, dirigentes desportivos deslocaram-se à Assembleia de República, a fim de assitirem e/ou participarem no debate que ali teve lugar no âmbito da conferência, "Violência no Desporto".

Ref.as:

A propósito do Tema em discussão, revemos algumas normas ou legislação que nos últimos anos foram publicada nesta matéria:
"(...)
Artº 3º - Princípio da Ética Desportiva
1 - A atividade desportiva é desenvolvida em observância dos princípios da ética, da defesa do espírito desportivo, da verdade desportiva e da formação integral de todos os participantes.
(...)"

"(...)
1ª Parte
3. Os objetivos do Código de Ética Desportiva 
São objetivos essenciais do presente Código, não só a ideia de se constituir como que uma norma fundamental de eticidade no desporto, mas também, uma matriz de bons costumes, boas práticas e um referencial de valores humanos nos domínios do desporto.
(...)
2ª Parte
Compromisso com a Ética Desportiva
O Compromisso com a ética desportiva é, por natureza, não apenas uma mera enunciação geral de princípios de atuação concreta perante o fenómeno desportivo mas também uma exigência de conduta a cada momento exigível, e que deve nortear a praxis da vida em tudo o que com o desporto se relacione e interaja. Consideram-se destinatários do referido compromisso todas as entidades que de alguma forma se relacionam com o fenómeno desportivo, em particular as elencadas de seguida e para as quais se indicam os mais relevantes compromissos a assumir:
(...)
Os Dirigentes ou Gestores Desportivos 
- Pautar a sua conduta tendo em consideração primordial os interesses e o serviço em prol das comunidades, princípios vertidos no objeto dos seus estatutos - Serviço à Comunidade.

- Cumprir a lei e os Códigos de Ética Desportiva que a entidade organizadora e reguladora da modalidade venha a implementar na sua regulamentação interna - Legalidade

- Ser justos e imparciais com todos os cidadãos, atuando segundo princípios de neutralidade - Imparcialidade

- Não discriminar qualquer cidadão em função da sua raça, sexo, língua, ideologias religiosas ou políticas nem pela condição social ou económica - Igualdade

- Exigir apenas aos seus associados o indispensável à sua atividade associativa - Proporcionalidade

- Actuar de acordo com o princípio da Boa Fé no interesse último da comunidade com vista à promoção da atividade desportiva e a fomentar a participação de todos, a todos os níveis, do associativismo desportivo - Colaboração

- Pugnar pela disseminação de informação relativa à atividade que promovem junto dos seus associados - Informação e Qualidade.

- Agir sempre de forma leal, solidária e colaborante - Lealdade

- Reger-se por princípios de honestidade e de integridade de caráter - Integridade

- Actuar de forma responsável e competente empenhando-se na prossecução dos objetivos da instituição que integram - Responsabilidade."

Os Espetadores e os Adeptos Desportivos
- Ter um relacionamento eticamente correto entre si e com os demais agentes desportivos, singulares ou coletivos, com os quais se relacionem.
- Não utilizar métodos de relacionamento como os agentes desportivos, singulares ou coletivos, que constituam atos que:
     - Se revistam de natureza violenta, seja ela social, psicológica ou física;
     - Nos jogos ou competições desportivas, ou fora deles, sejam ofensivos ou não respeitadores das boas práticas éticas junto dos dirigentes desportivos;
  - Sejam ofensivos da orientação sexual, estatuto social, etnia, religião e raça dos agentes desportivos;
    - Cumprir os princípios gerais orientadores do Código de Ética Desportiva.
(...)
 Ref.ª: Código de Ética Desportivahttp://www.pned.pt/media/24987/codigoetica_web.pdf

sábado, 24 de fevereiro de 2018

O FMI e as Suas Preocupações!!!!!

Passados quase 2 meses deste novo ano de 2018 é com alguma satisfação que olhamos para a 6ª avaliação do FMI sobre divida Portuguesa – “Pela primeira vez desde que o actual Governo tomou posse, o Fundo Monetário Internacional (FMI) passou esta sexta-feira a considerar “baixa” a probabilidade de se assistir a uma perda da confiança dos investidores em Portugal por causa de reversões nas reformas ou de uma nova crise bancária.” fonte publico.pt

Também nesta 6ª avaliação, o FMI “pede cautela com aumentos “permanentes” na Função Pública”, parecendoreferir-se não só ao fim dos cortes nos salários dos trabalhadores do Estado, que estiveram em vigor durante o período da troika, mas especialmente ao descongelamento das carreiras da Função Pública, que levará a um aumento gradual dos salários ao longo dos próximos anos. O Governo também ficou debaixo de fogo por ter assinado um entendimento com os professores para vir a contabilizar os anos do período do congelamento nas progressões dos trabalhadores dessa classe, uma despesa que não era inicialmente prevista. fonte eco.pt  Relatório FMI aqui.

Tendo por base o que consta no “Wikipédiaacerca do principal objetivo do FMI O FMI se descreve como "uma organização de 188 países, trabalhando para promover a cooperação monetária global, a estabilidade financeira segura, facilitar o comércio internacional, promover elevados níveis de emprego e crescimento econômico sustentável e reduzir a pobreza em todo o mundo, podemos compreender, um pouco, a preocupação do FMI em relação à despesa publica, no entanto, Muito nos Surpreende que apenas falem no “fim dos cortes nos salários dos trabalhadores do Estado” e no “descongelamento das carreiras da Função Pública”, criticando, Inclusive, a assinatura, por parte do governo do “acordo de entendimento com os professores”. IMPRESSIONANTE!!!! Será que são os salários da Função Pública os responsáveis pela destabilização financeira em Portugal? Pelo Aumento do Desemprego em Portugal? Ou pelo Aumento da Pobreza em Portugal? Será?????

Então e a CORRUPÇÃO??? O facto de Portugal ser visto como “um país mais corrupto do que a média europeia??? Não interessa para Nada”???

E Então o facto de Portugal ser o 29.º país mais corrupto, no que respeita à Administração Publica, entre 180 países?? Não conta Nada??? Só faltava afirmarem que corrupção na Administração publica está agregada aos professores!!!

Então os Grandes e Vergonhosos Escândalos que assolaram (e assolam) Portugal e que ROUBARAM aos Portugueses Milhares de ;Milhões de euros??? Não Interessam para Nada???
Mas, pelos vistos, toda a Corrupção e todos os casos Vergonhosos que aconteceram em Portugal e que são responsáveis pelo desaparecimento de Milhares de Milhões de Euros, para o FMI não contam Nada!!!! A Única coisa que conta, é a perca de direitos de quem trabalha honestamente! CAMBADA de Hipócritas!

Como diz Paulo Morais, em Portugal dão-se medalhas a criminosos, castigando-se os trabalhadores Competentes e Honestos, com cortes nos vencimentos e congelamentos de carreiras!!!

Os senhores do FMI que Venham viver para Portugal, com o rendimento Mensal da grande maioria dos funcionários públicos (sem progressão na carreira ou actualização salarial) e vejam se conseguem ter uma vida condigna???

E claro está! Para os parasitas políticos desta sociedade, o que o FMI diz é para fazer!!! E como conseguiram dividir o povo, muitos cidadãos (fracos e pobres de espirito), quando o governo castiga a função pública, principalmente os professores, batem “muitas” palmas de contentamento!!

Gostaria de ver se tudo neste país fosse privado (algo que muito políticos já tentaram e continuam a tentar fazer) e cada cidadão tivesse de pagar todo e qualquer serviço, inclusive a educação, se achariam melhor e mais justo do que a existência de um serviço publico?? E assim se (des) governa num país de “bananas”!!!. 
JMP