Bem vindos

Missão

Tentar destacar os melhores (ou os piores), nas diferentes temáticas, criando um espaço de livre debate.

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

(I) História (1966 - 2016) - Os Melhores do Futebol e do Desporto Nacional nos Últimos 50 Anos - Portugal na Véspera do Arranque dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016

(I) História (1966 - 2016) - Os Melhores do Futebol e do Desporto em Portugal - Glórias do Futebol e do Desporto Nacional

Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro 2016
Com a Cerimónia de Abertura dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro a realizar-se no dia de hoje, THE BEST recorda os últimos feitos do Desporto Nacional e também alguns feitos históricos.
2016 está a ser um ano de sucesso extraordinário para o Desporto Nacional, sendo vários os Títulos de Campeões Europeus e até Mundiais e as medalhas conquistadas por atletas e por Equipas Portuguesas em Campeonatos da Europa. (The Best of Football and Sport in Portugal)
                                         Cristiano Ronaldo - TOP 20 Goals in Champions League Ever
Na Final do Campeonato da Europa de 2016, Portugal defrontou e venceu  a Seleção de França (País organizador) por 1 - 0, com um fantástico Golo de Éder, o "Mago" de luva branca que ao minuto 109 da Final do dia 10 de Julho transforma o sonho em realidade e Portugal sagra-se Campeão Europeu de Futebol pela primeira vez.

A França já tinha sido o "carrasco" de Portugal na 1/2 Final do Euro 1984 em França, tal como na 1/2 Final do Euro 2000, organizado pela Bélgica e Holanda, assim como em 2006 no Mundial da Alemanha. Três derrotas de Portugal em jogos contra a França em 1/2 Finais de dois Europeus e de um Mundial, já foi um castigo demasiado pesado e já estava na altura de Portugal virar o jogo a nosso favor e ainda por cima com a "cereja no topo do bolo", conquistando um vitória que pelo menos durante quatro anos nos confere o Título de Campeão da Europa de Futebol.

Os 23 Jogadores convocados por Fernando Santos para representar a "Seleção das Quinas", foram: 
- Guarda Redes - Anthony Lopes (Lyon), Eduardo (D Zagreb), Rui Patrício (Sporting);
- Defesas - Cédric (Southampton), Vieirinha (Wolfsburgo, Bruno Alves (Fenerbache), José Fonte (Southampton), Pepe (Real de Madrid), Ricardo Carvalho (Monaco), Eliseu (Benfica), Raphael Guerreiro (Lorient);
- Médios - André Gomes (Valencia), Adrien (Sporting), Danilo (FC Porto), João Mário (Sporting), João Moutinho (Monaco), Wiliam Carvalho (Sporting), Renato Sanches (Benfica);
- Avançados - Cristiano Ronaldo (Real Madrid), Éder (Lille), Nani (Fenerbache), Quaresma (Besiktas), Rafa (Sp. Braga).

Até hoje, apenas três Portugueses venceram a "Bola de Ouro", nomeadamente, Eusébio em 1965, Luís Figo em 2000 e Cristiano Ronaldo em 2008, 2013 e 2014. Porém, Cristiano Ronaldo com a vitória na Champions pelo Real Madrid, a que junta agora a "dobradinha" com o Título de Campeão Europeu, em 2016 poderá vencer a Bola de Ouro pela quarta vez. Messi até ao momento lidera nas "Bolas de Ouro" com 5 triunfos (2009, 2010, 2011, 2012, 2015). Entre 2008 e 2015 os "reinados" de Cristiano Ronaldo e Messi têm sido impenetráveis e os dois têm alternado entre si nos últimos 8 anos.
Portugal Campeão Europeu de Futebol em 2016
"Mago" Éder marca no prolongamento - França 0 - Portugal 1
No presente Ano de 2016, até ao dia 5 de Agosto de 2016, Portugal obteve diversos e resultados de grande revelo a nível Europeu e um Mundial (Vela), com especial destaque para o Título de Campeão Europeu de Futebol (Desporto Rei), conquistado em 10 de Julho de 2016. 
10-07-2016 - Portugal Campeão da Europa de Futebol e CR7 Discursa no Balneário Após a Final
                                 CAMPEÕES EUROPEUS DE FUTEBOL 2016 (The Best of Football in Portugal)
                                         David Bowie - Heroes
Campeões da Europa de Hóquei em Patins (The Best of Roller Hockey in Portugal)
Os 10 Jogadores convocados por Luís Sénica para representar a Seleção Nacional de Hóquei em Patins foram:
- Guarda Redes - Ângelo Girão (Sporting) e Nelson Filipe (FC Porto);
- Jogadores de Campo - Diogo Rafael (Benfica), Gonçalo Alves (FC Porto), Hélder Nunes FC Porto, João Rodrigues (Benfica), Rafa (FC Porto), Henrique Magalhães (Valongo), Ricardo Barreiros (Oliveirense), Reinaldo Ventura (Óquei de Barcelos).

Dezembro de 2016 - Cristiano Ronaldo conquista a sua 4ª Bola de Ouro na eleição organizada pela Revista "France Football" que distingue o Melhor Jogador de Futebol do Mundo - Atualização em 15-12-2016
Ref.ª: http://pt.uefa.com/uefachampionsleague/news/newsid=2431132.html

Novembro de 2016 - Ticha Bredas sagra-se Campeã Mundial de Powerlifting (levantamento de peso) Júnior e Recordista - Atualização em 26-11-2016
Nov. 2016 - Ticha Bredas Campeã do Mundo de Powerlifting
O passado  mês de Julho  foi  também de Glória para o Atletismo Nacional e  registaram-se diversos títulos Europeus em Atletismo. 
Patrícia Mamona sagrou-se Campeã da Europa de Triplo Salto.
(The Best of Athletics in Portugal)
Sara Moreira sagrou-se Campeã da Europa nos 20 km.
A  Seleção Nacional Feminina sagrou-se ainda Campeã de Europa por Equipas nos 20 km, Título  para o qual  contribui a medalha de ouro  de Sara Moreira (1 hora, 10, 19), mas tam-
bém a  medalha de  Bronze  de Jéssica Augusto  pelo 3º lugar  (1 hora 10, 55)  e ainda, as
classificações  obtidas  na  mesma prova  por Dulce Félix  (12º), Marisa Barros  e Vanessa Fernandes.  Dulce  Félix  foi  ainda vice  Campeã  da  Europa  nos 10 Km. O Lançador  de Peso Tsanko  Arnaudov,  atleta de  origem Búlgara,  alcançou  a  prata no Lançamento  do  peso com 20,59 m.
Fernando Pimenta, no final de Junho participou nos Campeonatos da Europa de Canoagem realizados na Rússia, tendo ganho duas medalhas de ouro em K1 1000 e K1 5000. Para além dos dois recentes Títulos, Fernando Pimenta aos 27 anos de idade possui já um palmarés notável, sendo de destacar de entre os resultados mais recentes, o 3º lugar conquistado no Campeonato do Mundo de Milão 2015, em K1 1000. 
       Fernando Pimenta - Campeão da Europa em K1 1000 e em K1 5000 (The Best of Canoeing in Portugal)
Nos Jogos Olímpicos de Londres em 2012, Fernando Pimenta, fazendo dupla com Emanuel Silva na Prova de K2 1000, conquistaram o 2º lugar na Prova e a respetiva medalha de prata para Portugal.
Fernando Pimenta, pelo seu brilhante Palmarés, mas sobretudo pelos mais recentes resultados obtidos,  é claramente um dos grandes candidatos a uma medalha nos Jogos do Rio. Destaque ainda para a Canoa Nacional de Marca "NELO" que Pimenta utiliza, Canoa Portuguesa fabricada em Canidelo (Vila do Conde) e que é Líder no Mercado Global, equipando alguns dos melhores canoistas mundiais.


Os irmão  Pedro Costa e Diogo Costa  sagraram-se Campeões do Mundo na Classe  420 Vela, no  passado  dia 23 de Julho, em  San Remo, Itália. Uma  vez  que a classe  420  não integra o Programa de modalidades olímpicas, os referidos velejadores terão que mudar de classe para que possam participar nos JO de 2020.
Campeões do Mundo Pedro em Vela  420 -  Diogo Costa e Pedro Costa (The Best of  Sailling in Portugal)
Continuando com os  recentes  registos de Heróis no Desporto Nacional, Rui Costa  que já conta com três Vitórias em  Etapas na Volta à França (2011 e 2013) e que venceu  por t rês vezes  a Volta  à Suiça  (2012, 2013 e 2014),  em 2013  sagrou-se Campeão  do Mundo  de Ciclismo.

Em 2014, Portugal sagrou-se Campeão Europeu de Ténis de Mesa por Equipas, após vencer a Alemanha. Face aos recentes resultados, depositam-se fortes esperanças sobre a Seleção  Nacional de Ténis de Mesa, nos Jogos do rio de Janeiro, destacando-se Marcos Freitas (11º Ranking Mundial), Tiago Apolónia (18º Ranking) e João Monteiro (35º do Ranking).
II - História do Futebol e do Desporto em Portugal nos Últimos 50 anos (1966 - 2016) (The Best of  Football and Sport in Portugal in recent 50 years)
Futebol (The Best of  Football  in Portugal in recent 50 years)
Eusébio, Figo e Cristiano Ronaldo - Três "Mágicos"
Recordando mais alguns brilhantes feitos conquistados pelo Desporto Nacional, no Europeu de 2000 de Futebol, a "Geração de Ouro", onde figuravam nomes como Luís Figo, Rui Costa, João Vieira Pinto, entre outros, Portugal realiza um dos melhores Jogos da História do Futebol Português, ao vencer a Inglaterra por 3 - 2, depois de ter estado a perder por 2 - 0.
Portugal - Inglaterra - Soberbo... Geração de Ouro
Relativamente à "Geração de Ouro" do Futebol Português, cujos mentores são Carlos Queiroz e Nelo Vingada, a partir de 1989 e 1991, não só nasceu uma nova Geração de Jogadores de Futebol, assim como também nasceu uma Nova Geração de Treinadores de Futebol, com um nova mentalidade e com uma nova visão e atitude, relativamente à formação de jogadores, deteção de talentos, estudo científico do treino, estudo dos adversários, desempenho e motivação. 

Estudo de Caso FMH - 75 anos de História - Case Study FMH - (THE BEST of Football and Sport in Portugal in recent 50 Years)
Uma Escola que neste domínio tem a sua responsabilidade na criação de uma nova atitude e de uma nova mentalidade no Futebol e no Desporto  Português em geral, é a Faculdade de Motricidade Humana (FMH), ex ISEF e ex INEF. Nomes grandiosos do Futebol e do Desporto Nacional, tais como, Carlos Queiroz, Nelo Vingada, Jorge Castelo, Jesualdo Ferreira, José Mourinho, José Peseiro, Rui Vitória, José Morais, entre outros, bem como Treinadores e especialistas de outras modalidades, tais como, Mário Moniz Pereira, Bernardo Manuel, Abreu Matos, João Ganso Treinador de Nélson Évora (Atletismo); Teotónio Lima, Hermínio Barreto, Jorge Araújo, José Curado, (Basquetebol); Nuno Delgado, Telma Monteiro (Judo); José Gomes Pereira, Nuno Laurentino (Natação); Esbela da Fonseca, Joaquim Grangier, Rogério Valério, Reis Pinto (Ginástica); entre outros, são grandes Mestres do Desporto Nacional que têm em comum o facto de terem sido formados na FMH e também o vasto contributo que têm dado para a evolução do Desporto em Portugal, tanto na alta competição, bem como ao nível da formação e do lazer.
75 Anos de História da Faculdade de Motricidade Humana em: 
http://www.fmh.ulisboa.pt/75anos/

Portugal Campeão do Mundo de Sub 20 em 1989 e 1991
Nos anos de 1989 (Riade) e 1991 (Lisboa), Portugal sagrou-se Campeão do Mundo de Futebol em Sub 20.

A Final de 1991 foi em Lisboa no antigo Estádio da Luz, com uma lotação esgotada, na altura de 120 mil espectadores que vibraram com o Título de Campeões do Mundo em Sub 20, após vitória na final sobre a Seleção do Brasil, por desempate nas grandes penalidades após 0 - 0 no final do prolongamento.
Geração de Ouro -  Campeões do Mundo Sub 20 - Lisboa 1991
Lisboa 1991 - Portugal Campeão do Mundo de Sub 20
Após os dois Títulos de Campeões Mundiais em Sub 20, a Seleção Olímpica Portuguesa sob o comando Técnico de Nelo Vingada, alcançou o 4º Lugar nos Jogos Olímpicos de Atlanta 1996.
A Seleção Nacional (AA), na campanha de qualificação para o Campeonato do Mundo do México 1986,  sob o comando Técnico de José Torres ("O Bom Gigante"), conseguiu assegurar a sua presença no Mundial, após a realização do último jogo de qualificação em 1985, no terreno da poderosa Seleção Alemã. Antes desse jogo José Torres dizia, "deixem-me sonhar". Pois bem, Portugal tinha a missão quase impossível de vencer a Alemanha em Estugarda e Carlos Manuel fez isto a Harald Shumacher:
Carlos Manuel - Alemanha 0 - 1 Portugal
O resultado final foi de 0 - 1 favorável a Portugal e assim se inicia a odisseia da Seleção que ficou conhecida por "Os Infantes". A participação no Mundial do México 1986 estava garantida e tendo por base a letra de Carlos Paião, Herman José cantava: 
Herman José canta aos "Infantes"
Contudo, no decorrer desse Mundial surgiu um litígio entre os jogadores e a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) que ficou conhecido como "Caso Saltillo" e Portugal não conseguiu passar da fase de grupos.

No Europeu de França 1984, Portugal no jogo dos 1/4 de final garantiu o acesso à 1/2 final em jogo contra a Roménia, no qual Nené, ao saltar do banco para registar na altura o recorde de 65 internacionalizações, poucos minutos depois, marcou a 9 minutos do fim o golo que deu a vitória a Portugal por 1 - 0
                                                            Nené - Avançado que "não sujava os calções"
Referência: http://tertuliabenfiquista.blogs.sapo.pt/833322.html
O Guarda Redes era na altura o Histórico Manuel Bento que em 1985/86 conseguiu o recorde notável de manter a sua baliza imbatível durante 1065 minutos
Manuel Bento - Guarda Redes Histórico do Benfica e da Seleção Nacional
Na 1/2 Final do Europeu de França, Portugal perde com a França de Michel Platini  por 3 - 2, após prolongamento. Nessa noite, Bento fez uma exibição do "outro mundo". 
Segundo a eleição da UEFA, quatro Jogadores Portugueses foram considerados os melhores do Campeonato nas suas posições, nomeadamente, guarda redes Bento, defesa Eurico, médio Chalana, avançado Jordão

Eusébio - Com o epíteto "Pantera Negra", foi o primeiro Português que ganhou a "Bota de Ouro" (prémio para o melhor marcador de golos na Europa) em 1968 e repetiu em 1973 . Em 1965 venceu a Bola de Ouro, sendo na altura um prémio atribuído ao melhor Jogador que competia na Europa. Eusébio marcou 733 golos em 745 jogos oficiais na sua carreira.
No Mundial de Inglaterra 1966, Portugal com a Seleção conhecida por "Os Magriços", alcançou o 3º Lugar, ficando registado para a posteridade, a célebre vitória de Portugal nos 1/4 de Final sobre a Coreia do Norte por 5 - 3, contando com 4 golos de Eusébio, depois da Seleção Portuguesa ter estado a perder por 3 - 0. Esta Seleção tinha por base a Equipa do Benfica que venceu a Taça dos Clubes Campeões Europeus em 1961 e 1962 e incluía Mário Coluna, Eusébio, José Augusto, José Torres e António Simões, entre outros. O Selecionador era Manuel da Luz Afonso e o Treinador era Otto Glória
Neste Mundial, Portugal não desperdiçou tempo e "despachou" até o Campeão do Mundo Brasil.
Portugal no Campeonato do Mundo de Inglaterra  1966
Conclusão (Seleção de Futebol AA - Portugal): É de sublinhar que após o Mundial de 1966, a Seleção Nacional teve que esperar 18 e 20 anos para participar de novo numa grande competição internacional, repetivamente em 1984 e em 1986, na fase final de um Europeu e de um Mundial. Em seguida, apenas em 1996 a Seleção conseguiu participar na fase final de um Europeu (Inglaterra) e a Seleção Olímpica também conseguiu  nesse ano participar nos Jogos Olímpicos de Atlanta. Portugal falha o Mundial de França 1998, mas o Europeu Bélgica e Holanda 2000, constituiu um marco histórico para a Seleção Nacional, já que, entre os anos, 2000 e 2016, Portugal conseguiu estar presente em todas as fases finais de europeus e mundiais, num total de 9 competições da UEFA/FIFA (5 Europeus e 4 Mundiais). Nessas 9 competições, em 5 delas Portugal chega pelo menos à 1/2 Final (Europeu de 2000; Europeu de 2004 onde foi Vice Campeão; Mundial de 2006; Europeu de 2012 e Campeão Europeu em 2016). No Europeu de 2008 Portugal chegou aos 1/4 de Final e no Mundial de 2010 chegou aos 1/8 de Final. Nos mundiais de 2012 e 2014 a Seleção Nacional não conseguiu ultrapassar a fase de grupos.
A regularidade com que Portugal participa desde o ano 2000 em todas as fases finais de Europeus e Mundiais, é uma consequência lógica, do trabalho desempenhado pela "Geração de Ouro" do Futebol Português e do seu legado, bem como pelo trabalho produzido pela "Nova Escola do Futebol Português Moderno" e também pela "Nova Escola de Treinadores de Futebol", tanto nas Seleções (Principal AA e Camadas Jovens), bem como nos Clubes.. 
Referência: https://pt.wikipedia.org/wiki/Sele%C3%A7%C3%A3o_Portuguesa_de_Futebol

Futsal
Clubes Campeões Europeus
SL Benfica tem um Título (2009/2010)

Seleção Nacional
Mundiais:
- Guatemala 2000 - 3º Lugar;
- Tailândia 2012 - 1/4 Final.

Europeus:
- Portugal 2007 - 4º Lugar;
- Hungria 2010 - Vice Campeão;
- Croácia 2012 - 1/4 Final;
- Bélgica 2014 - 4º Lugar;
- Sérvia 2016 - 1/4 Final.

Melhor Jogador do Mundo
Ricardinho - 2010, 2014 e 2015.

O Melhor Jogador Nacional de sempre é Ricardinho. Em 20 de Maio de 2016 o "Site Futsal Planet" anunciou que Ricardinho tinha conquistado o Título de Melhor Jogador de Futsal do Mundo de 2015. Esta foi a terceira vez que Ricardinho conquistou o Título de Nº1 do Mundo, depois de ter vencido também em 2010 e 2014.
                                         Ricardinho - Magic Skils
Futebol de Praia (The Best of  Beach Football in Portugal in recent 50 years)
Até hoje, foram quatro as seleções que conquistaram o Título de Campeão do Mundo de Futebol de Praia, nomeadamente, Brasil (treze Títulos entre 1995 e 2009), Portugal (dois Títulos em 2001 e 2015), Rússia (dois Títulos em 2011 e 2013) e França (um Título em 2005). Na mesma competição, Portugal foi Vice campeão do Mundo em três ocasiões e por cinco vezes ficou em terceiro lugar.
Quanto ao Campeonato da Europa de Futebol de Praia, Portugal conquistou até ao momento 5 Títulos (2002, 2007, 2008, 2010 e 2015), em 7 ocasiões foi Vice Campeão Europeu (2000, 2001, 2004, 2005, 2006, 2009, 2013) e em 5 ocasiões alcançou o 3º lugar (1998, 1999, 2003, 2011 e 2014). O primeiro Europeu realizou-se em 1998 e desde aí a Seleção Nacional conquistou sempre um dos três primeiros lugares do pódio, com exceção do ano de 2012. Atualmente Portugal é o Campeão Europeu e também Mundial de Futebol de Praia, Títulos conquistados em 2015. 
Apesar do sucesso da Seleção Nacional da Modalidade, a mesma não poderá competir nos Jogos Olímpicos porque o Futebol de Praia não é modalidade Olímpica. 
Nos Jogadores Lusos destaca-se sobretudo Madjer, pelo seu talento e também pelos anos de dedicação à Seleção, sendo provavelmente o Melhor Jogar de Futebol de Praia de sempre.

Hóquei em Patins (The Best of  Roller Hockey in Portugal in recent 50 years)
Modalidade com maior expressão ao nível de Títulos conquistados
Dezoito anos depois de ter conquistado em Paços de Ferreira o último Título de Campeão Europeu de Hóquei em Patins, no passado dia 16 de Julho, Portugal volta a sagrar-se Campeão da Europa em Hóquei em Patins, desta vez em Oliveira de Azeméis. O último Título de Campeão Europeu tinha sido conquistado em 1998 em Paços de Ferreira e o último Título de Campeão do Mundo tinha sido em 2003 em Oliveira de Azeméis.
Na sequência deste Título, todos os Jogadores foram condecorados pelo Senhor Presidente da República Marcelo Rebelo de Sousa, à semelhança das recentes condecorações atribuídas à Seleção Nacional de Futebol e também no  Atletismo e Canoagem.

É a Seleção mais vitoriosa no Hóquei em Patins Mundial, com 15 Títulos Mundiais masculinos (entre 1947 e 2003), 21 Títulos Europeus masculinos (entre 1947 e 2016), 18 Taças das Nações, 10 Taças Latinas, 17 Títulos Europeus de Juniores, 11 Títulos Europeus de Juvenis.
Como Glórias do Hóquei em Patins Nacional, podemos citar a "Equipa Maravilha", epíteto pelo qual ficou conhecido o quinteto do Sporting Clube de Portugal formado por António Ramalhete, Júlio Rendeiro, Sobrinho, Chana e António Livramento, por muitos considerado como a melhor Equipa de sempre do Hóquei em Patins. 
Na Temporada de 1976/77, sob a orientação de Torcato Ferreira, conquistou ao serviço do Sporting CP, o Campeonato Nacional, a Taça de Portugal e a Taça dos Clubes Campeões Europeus, feito inédito para equipas portuguesas até essa altura. Este quinteto era também a Equipa Titular da Seleção Nacional que venceu o Campeonato da Europa de 1977 e foi durante anos a base dessa Seleção que muitos Títulos conquistou.
António Livramento é considerado por muitos o melhor Jogador de Hóquei em Patins de todos os tempos, foi Jogador nos anos 60 e 70 e Treinador nos anos 80 e 90.
Representou o SL Benfica (1959 - 1970 e 1971 - 1974) e o Sporting CP (1976 - 1978). Ao serviço da Seleção Nacional alcançou sete Títulos de Campeão da Europa e três Títulos de Campeão do Mundo.
                                         António Livramento
Na Taça dos Clubes Campeões Europeus,  o SL Benfica conquistou dois Títulos (2012/13 e 2015/16); o FC Porto também conquistou dois Títulos (1985/86 e 1989/90), o Óquei Clube de Barcelos conquistou um Título (1990/91) e o Sporting CP conquistou um Título também (1976/77).

Judo (The Best of Judo in Portugal in  recent 50 years)
Nuno Delgado ganhou a Medalha de Bronze nos Jogos Olímpicos de Sydney 2000, na Categoria 73 Kg - 81 Kg.
Telma Monteiro é a Atleta do Judo Nacional com maior número de Títulos conquistados nas principais competições Europeias e Mundiais, nomeadamente, 5 Títulos de Campeã da Europa e por 4 ocasiões foi Vice Campeã Mundial. 
Nos Jogos Olímpicos contudo, ainda não conquistou qualquer medalha, pelo que, THE BEST lhe deseja o maior sucesso para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.
Atualização em 29-08-2016: Telma Monteiro traz o Bronze pelo 3º Lugar alcançado na Competição de Judo nos Jogos do Rio 2016 na categoria "- 57 Kg", conquistando a única medalha para Portugal.
Rio 2016 - Telma Monteiro conquista o Bronze

João Pina é Bi Campeão Europeu na Categoria de "menos de 73 Kg", com Títulos conquistados em 2011 e 2013.

Marcha Atlética 
Susana Feitor
Nascida a 28 de Janeiro de 1975 (Alcobertas, Rio Maior), foi a primeira Atleta Portuguesa de Marcha a ganhar uma medalha em competições internacionais. Representou o Clube de Natação de Rio Maior durante 20 anos, ente 1990 e 2010, altura em que se tornou Atleta Individual. Como principais Títulos em Atleta Júnior, nos 5 Km Marcha em 1990 foi Campeã do Mundo, em 1994 foi Vice Campeã Mundial, em 1991 foi Vice Campeã da Europa e em 1993 foi Campeã da Europa. Como Sénior, em 1998 foi 3ª nos 10 Km do Campeonato da Europa e em 2005 foi 3ª nos 20 KM do Campeonato do Mundo.
A "Escola Moderna" da difícil especialidade de Marcha Atlética, basicamente nasceu em Rio Maior pela mão de Jorge Miguel, Treinador de Atletismo no Clube de Natação de Rio Maior e que, pelo impulso que deu à Especialidade, de certa forma pode ser considerado o "Pai da Marcha Atlética em Portugal nos tempos modernos". Para além de Susana Feitor, outros nomes sonantes da Marcha Atlética são provenientes de Rio Maior, tais como, os Gémeos Vieira (Sérgio Vieira e João Vieira), Inês Henriques e Vera Santos. Para além dos Atletas já mencionados, existem outros Atletas que vão participar na Prova de Marcha dos JO do Rio de Janeiro, dos quais destacamos Ana Cabecinha, Miguel Carvalho e Pedro Isidro.  Como Glórias da Marcha Nacional no Passado, sublinhamos os nomes de José Pinto (primeiro Português a participar na Prova de Marcha dos JO, 50 KM em Los Angeles 1984, José Urbano, Hélder Oliveira, Jorge Costa
A Ligação da Cidade de Rio Maior à Marcha Atletica é de tal forma forte que a Pista de Atletismo de tartan da Cidade é designada por "Pista de Atletismo Susana Feitor". A este facto não estará alheio o ex Presidente da Câmara Sílvino Sequeira, impulsionador do Projecto "Rio Maior Cidade do Desporto" que hoje dispõe de um Centro de Estágio e "Centro de Alto Rendimento de Rio Maior - Natação" inaugurado em 31 de Março de 2011, Parque Desportivo Municipal com Pista de tartan e uma Escola Superior de Desporto que está integrada no Instituto Politécnico de Santarém, onde estudam (ou estudaram recentemente) reputados Atletas, tais como, Susana Feitor, Rui Silva, Inês Henriques e Daniela Stoffel, bem como o ex Futebolista Jorge Cadete, entre outros. O Projecto "Cidade do Desporto" mantêm toda a sua dinâmica sob a atual Presidência de Câmara de Isaura Morais.
Referências: http://omarchador.blogspot.pt/2014_01_01_archive.html
http://www.desmor.pt/conte.php?a=598

Surf

Tiago Pires (Lisboa, 13 de Março de 1980), também conhecido por "Saca", é o mais prestigiado Surfista Português de sempre e o único que participa no Circuito Mundial de Surf (WCT). Foi na Praia da Ericeira que cresceu como surfista, entre muitas viagens para o Bairro de Alvalade onde vivia, em Lisboa. 
                                                                   Tiago Pires
Referência: https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=17405617
Os primeiro Títulos que alcançou foi de Campeão Nacional de sub 14 e de sub 16 nos anos de 1994 e 1995 respetivamente. Em 1996, com 16 anos, participa pela primeira vez numa final do Circuito Nacional de Surf e nesse mesmo ano, conhece José Seabra que passa a ser o seu mentor e treinador. Com o apoio do seu Treinador, a entrada no Circuito Mundial de Surf passa a estar no seu horizonte, num País em que devido à falta de tradição na altura e também devido à falta de condições, afigurava-se uma missão praticamente impossível. Em 1997 consegue vencer os melhores juniores europeus em prova realizada em Hossegor, qualificando-se para disputar no ano de 1998 na Austrália, o Título de Campeão do Mundo na Classe Júniores. Nesse mesmo ano, consegue alcançar o segundo lugar no Mundial Amador ISA realizado em Portugal, sendo apenas derrotado na Final por Dean Morrison. Em 1999 conquista o Título Europeu Pro Júnior e começa a competir no Circuito World Qualifying Series (WQS), passando a ter como objetivo chegar à Elite do Surf Mundial, o World Championship Tour (WCT). O ano de 2000 foi de ouro para Tiago "Saca" Pires, com a conquista da sua primeira vitória no circuito WQS na Praia de Miramar em Vila Nova de Gaia, mas sobretudo, quando se sagra Vice Campeão do Mundo de Júniores na temporada de Inverno no Hawai, alcançando um fantástico 2º lugar em Sunset, numa final que lhe conferiu o Título de "Rockie of the Year na Triple Crown". Em 2001 é o 3º na famosa lista "Hot Hundred", onde a Revista norte americana "Surfer" elege os melhores júniores do mundo. Em 2002 vence uma etapa importante no Japão e alcança bons resultados no WQS, mas em seguida segue-se um período marcado por algumas lesões. 
O salto na carreira de Tiago "Saca" Pires ocorreu em 2007 quando conquista o 5º lugar na WQS, feito que finalmente lhe abriu as portas de acesso ao WCT. No seu primeiro ano na Elite Mundial do Surf alcança o 31º lugar e requalifica-se através do WQS, salientado-se sobretudo o 3º lugar alcançado no "Rip Curl Pro Search" em Bali, na Indónesia. No ano seguinte classifica-se em 24º lugar no Circuito Mundial do WCT, destacando-se sobretudo o 3º lugar alcançado no Quiksilver Pro em França. Em 2010 alcança a melhor classificação de sempre no WCT, com um 21º lugar.
Referência: https://pt.wikipedia.org/wiki/Tiago_Pires

A Cidade de Peniche recebe anualmente desde 2009 uma etapa do Circuito Internacional WCT, realizando-se a maior parte da competição na Praia de "Super Tubos", sempre que as condições atmosféricas o permitem.
Kelly Slater, melhor surfista mundial de todos os tempos com onze Títulos de Campeão do Mundo Conquistados no Circuito Mundial de Surf, o primeiro em 1992 e o último em 2011, mantém-se no ativo aos 44 anos de idade e participa na Etapa de Peniche (Praia Super Tubos) do Circuito Mundial.
Referência: https://pt.wikipedia.org/wiki/Peniche
                                   Kelly Slater - Surf - 11 Títulos de Campeão do Mundo 
Referência: Por hyunlab - From http://www.flickr.com/photos/hyunlab/167645751/ user hyunlab., CC BY 2.0, https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=1313866

A 1 de Novembro de 2011, o Norte Americano Garrett MacNamara projeta o nome da Vila da Nazaré para o topo do Surf Mundial de ondas gigantes, pelo feito realizado ao "surfar" a maior onda de sempre até então, com 23,77 metros (78 pés). As ondas gigantes na Praia do Norte na Vila da Nazaré, ocorrem em determinadas épocas do ano e tem origem numa conjugação de factores, dos quais se destaca o principal que consiste num fenómeno geológico, desfiladeiro submarino, designado por "Canhão da Nazaré".
Referências: https://en.wikipedia.org/wiki/Garrett_McNamara
http://www.dn.pt/desporto/outras-modalidades/interior/onda-da-nazare-coloca-garrett-mcnamara-no-guiness-2511929.html 
                               1 Nov 2011 - Garrett MacNamara - Onda 23,77 m (78 pés) - Nazaré Praia do Norte

Ténis 
João Sousa
João Pedro Marinho de Sousa (Guimarães, 30 de Março de 1989), alcançou a melhor classificação de sempre por um Tenista Português no Ranking "ATP WORLD TOUR". É considerado o melhor Tenista Português de todos os tempos, tendo entrado para o TOP 100 do Ranking ATP em Julho de 2013. Em 23 de Maio de 2016 ocupava o 23º Lugar do Ranking ATP.
                                             João Sousa - Wimbledon 2014
Referência: https://commons.wikimedia.org/w/index.php?curid=34193123
João Sousa começou a praticar Ténis aos 7 anos de idade e após ter conquistado títulos nas categorias de formação, aos 15 anos resolver partir para Barcelona para desenvolver a sua carreira. Tornou-se profissional em 2005 e vence o primeiro Torneio Futures em 2009.
Em 2008 inicia  sua participação no ATP Challenger Tour e conquistou o seu primeiro torneio na Categoria em Junho de 2011. A sua estreia na principal competição de Ténis Mundial, o ATP World Tourdeu-se também em 2008, tendo conquistado o seu primeiro grande sucesso no Open da Austrália em 2013, passando a ser o primeiro Tenista Português a conseguir vencer um Torneio na categoria máxima (ATP World Tour).
João Sousa é treinado por Frederico Marques e frequenta a Academia BTT em Barcelona.
Referência: https://pt.wikipedia.org/wiki/Jo%C3%A3o_Sousa

Maiores Feitos Históricos (Palmarés) dos Três Clubes Grandes em Portugal
Os Clubes Portugueses que mais Títulos Europeus / Mundiais conquistaram no Futebol foram respetivamente, Futebol Clube do Porto (FCP), Sport Lisboa e Benfica (SLB) e Sporting Clube de Portugal (SCP). 
O SLB foi o único que conquistou até hoje um Título de Campeão da Europa em Futsal e o SCP foi o que mais Títulos Europeus conquistou no Atletismo. 
Nos Títulos  de Campeão Europeu de Clubes em Hóquei em Patins, o "Óquei Clube de Barcelos" junta-se aos "Três Grandes" com a conquista de um Título em 1990/91. O mais recente Título do OC Barcelos foi a conquista da Taça CERS em 2015/16.
- Taça dos Clubes Campeões Europeus (UEFA) - Dois Títulos, 1996/97 (Treinador Artur Jorge) e 2003/04 (Treinador José Mourinho);
- Taças Intercontinentais - Dois Títulos (1997 e 2004);
- Liga Europa - Dois Títulos (2002/03 e 2010/11). Em 2010/11 o adversário na Final foi o Sp. Braga e o FCP venceu por 1 - 0;
- Taça dos Clubes Vencedores de Taças - Finalista vencido em 1983/84.

Internamente o FC Porto tem os seguintes Títulos conquistados:
- Campeão nacional da 1ª Divisão/ 1ª Liga - 27 Títulos entre 1934/35 e 2012/13;
- Taça de Portugal - 16 Títulos entre 1921/22 e 2010/11; 
- Super Taça "Cândido de Oliveira" - 20 Títulos entre 1980/81 e 2012/13. 
Hóquei em Patins
Taça dos Clubes Campeões Europeus - Dois Títulos (1985/86 e 1989/90).

- Taça dos Clubes Campeões Europeus (UEFA) - Dois Títulos (1960/61 e 1961/62);
- Vice Campeão Europeu (finalista vencido) -   Cinco ocasiões (1962/63, 1964/65, 1967/68, 19887/88, 1989/90);
- Taça UEFA/Liga Europa - Finalista vencido em três ocasiões (1982/83, 2012/13 e 2013/14). Em 2012/13 perdeu contra o Chelsea por 2 - 1 e em 2013/14 perdeu contra o Sevilha no desempate por grandes penalidades.

Internamente o SL Benfica é o Clube que tem mais Títulos Conquistados:
- Campeão nacional da 1ª Divisão/ 1ª Liga - 35 Títulos entre 1935/36 e 2015/16;
- Taça de Portugal - 25 Títulos entre 1939/40 e 2013/14); 
- Super Taça "Cândido de Oliveira" - 6 Títulos entre 1979/80 e 2016/2017 (atualizado em 07-08-2016)
- Taça da Liga - 7 Títulos entre 2008/09 e 2015/16.
Futsal
- Taça dos Clubes Campeões Europeus (UEFA) - Um Título (2009/10).
Hóquei em Patins
Taça dos Clubes Campeões Europeus - Dois Títulos (2012/13 e 2015/16).
Atletismo
- Taça dos Clubes Campeões Europeus de Estrada - 5 Títulos (1988, 1989, 1990, 1991, 1992).
Referências: http://www.slbenfica.pt/futebol/palmares.aspx
http://www.slbenfica.pt/pt-pt/mais/atletismo/palmares.aspx
Taça dos Clubes Vencedores de Taças - Um Título (1963/64).
Internamente o Sporting CP tem os seguintes Títulos conquistados:
- Campeão nacional da 1ª Divisão/ 1ª Liga - 18 Títulos entre 1940/41 e 2001/02;
- Taça de Portugal - 16 Títulos entre 1922/23 e 2014/2015; 
- Super Taça "Cândido de Oliveira" - 8 Títulos entre 1981/82 e 2014/15. 
Hóquei em Patins
Taça dos Clubes Campeões Europeus - Um Título (1976/77).
Atletismo: 
- Taça dos Clubes Campeões Europeus de Corta Mato (Masc.) - 14 Títulos (último triunfo em 1994);
Taça dos Clubes Campeões Europeus de Pista (Masc.) - 1 Título (2000);
- Taça dos Clubes Campeões Europeus de Pista (Fem.) - 1 Título (2016).
Referências: http://www.sporting.pt/pt/clube/historia/palmares
https://pt.wikipedia.org/wiki/Liga_Europeia_de_H%C3%B3quei_em_Patins 
https://pt.wikipedia.org/wiki/Palmar%C3%A9s_de_FC_Porto,_SL_Benfica_e_Sporting_CP_nas_principais_modalidades_coletivas
https://pt.wikipedia.org/wiki/Lista_de_vencedores_de_provas_portuguesas_de_futebol_por_%C3%A9poca

Há ainda a destacar os Títulos Europeus individuais e coletivos conquistados pelo Atletismo Feminino do Sporting Clube de Braga.
Sporting Clube de Braga
Atletismo:
Taça dos Clubes Campeões Europeus de Corta Mato (Fem.) por Equipas:
- Campeão Europeu - 7 Títulos (desde 1987 até 1993);
- 2º Classificado -  3 ocasiões (1985, 1986 e 1994);
- 6 º Classificado - Uma ocasião (1984).
Taça dos Clubes Campeões Europeus de Corta Mato (Fem.) em individuais:
- Albertina Machado .- 1 Título (1989);
- Conceição Ferreira - 2 Títulos (1990 e 1993);
- Fernanda Marques - 1 Título (1992).
Referências:
http://atletismo-estatistica.pt/clubes-2/sc-braga/
https://pt.wikipedia.org/wiki/Lista_de_vencedores_de_provas_portuguesas_de_futebol_por_%C3%A9poca

Estrela CR7 Nasce para o Mundo - "CR7 Star is born into the World"
O novo Estádio José de Alvalade foi inaugurado em 6 de Agosto de 2003. Por curiosidade, em auditoria levada a cabo pela Direção de Bruno de Carvalho em 2015, soube-se recentemente que o custo de construção do novo Estádio sofreu uma derrapagem de 75%, face ao que estava previsto em Abril de 2000, ascendendo a obra a um custo final de 184 milhões de euros.
Fonte: http://www.dn.pt/desporto/sporting/interior/novo-estadio-de-alvalade-custou-mais-milhoes-do-que-previsto-4649200.html
No Jogo de inauguração do novo Estádio, uma nova Estrela nasceu para o Mundo. A Estrela CR7 estava lá e deslumbrou. 
O Estádio tem uma capacidade para 50 095 espectadores e no dia da inauguração teve lotação esgotada com uma afluência recorde de 49 992 espectadores. O resultado final foi Sporting CP 3 - 1 Manchester United. Luís Filipe marcou o primeiro golo no novo Estádio aos 25 minutos e João Vieira Pinto marcou aos 61 e aos 69 minutos. Cristiano Ronaldo na altura com 18 anos, jogou assim: 
Cristiano Ronaldo 2003 - "CR7 Star is Born" - Sporting CP 3 - 1 Manchester United
"Sir Alex Ferguson" ficou encantado e seis dias depois CR7 anuncia ao mundo que assinou pelos "Red Devils".
SL Benfica, Sporting CP e FC Porto, são os "Três Grandes" do panorama desportivo nacional e são também os que dispõem das melhores infraestruturas para a a captação e formação de jovens futebolistas e atletas, bem como para o apoio na alta competição às equipas de Futebol profissional. Por influência da "Nova Escola do Futebol Português Moderno", o Sporting CP possui a Academia de Formação no Montijo, designada  por "Academia Sporting" que foi inaugurada em 21 de Junho de 2002. O FC Porto possui o "Centro de Treinos e Formação Desportiva PortoGaia" que foi inaugurado em 5 de Agosto de 2002. O SL Benfica possui no Seixal a "Caixa Futebol Campus" que foi inaugurada em 22 de Setembro de 2006. 
As referidas infraestruturas ao dispor dos três maiores Clubes de Portugal, constituem também o reflexo de uma nova dinâmica e das preocupações associadas à captação e formação de jovens futebolistas, inerente à estratégia que está subjacente à "Nova Escola do Futebol Português Moderno". Professores e Técnicos de Educação Física e Desporto formados na FMH e/ou em outras Instituições, estudam e planificam novos métodos de trabalho ao nível da formação de jovens futebolistas, mas também na alta competição do Futebol profissional, passando depois à sua implementação nas Academias e Centros de Formação de Futebol dos Clubes.

Participação de Portugal nos Jogos Olímpicos - 4 (quatro) Campeões Olímpicos
Outro Feito Histórico Fantástico nos Jogos Olímpicos do passado, aconteceu em 1984 quando Carlos Lopes venceu a Maratona dos Jogos Olímpicos (JO) de Los Angeles, estabelecendo na altura um Recorde Olímpico de 2 horas, 9 min, 21 seg. que durou até aos Jogos de 2008 em Pequim. Carlos Lopes foi treinado pelo Professor Mário Moniz Pereira que, para além de Professor, também foi Treinador e Compositor na Música, tendo por isso deixado uma forte marca no Desporto Nacional, na Cultura e nas Artes. 
Mário Moniz Pereira, para além de ter treinado Carlos Lopes, treinou também outros Grandes Atletas, podendo citar alguns que por ele foram treinados, ou que de alguma forma, por influência dele tiveram um reforço muito positivo nas suas carreiras. Foram por exemplo os casos de Armando Aldegalega, Aniceto Simões, Carlos LopesFernando Mamede, Domingos Castro, Dionísio Castro, Ezequiel Canário,  José Regalo, Rui Silva, Carlos Calado, Francis Obikwelu, Sara Moreira, entre outros.
Calos Lopes - Ouro na Maratona dos Jogos Olímpicos de Los Angeles 1984
Carlos Lopes para além do ouro em Los Angeles 1984, conseguiu ainda uma medalha de ouro nos 10 mil metros dos Jogos de Montreal em 1976. Carlos Lopes foi Campeão do Mundo de Corta Mato em 3 ocasiões, anos de 1976, 1984, 1985 (Lisboa) e Vice Campeão do Mundo em 1977 e em 1983.
Até hoje, para além de Carlos Lopes, só mais três atletas Portugueses conquistaram medalhas de ouro em Jogos Olímpicos, nomeadamente, Rosa Mota na Maratona de Seul em 1988 (bronze em 1984), Fernanda Ribeiro nos 10 000  metros de Atlanta em 1996 e Nélson Évora no Triplo salto em Pequim 2008.
Nelson Évora - Campeão Olímpico no Triplo Salto - Pequim 2008
Destaque ainda para os medalhados no Atletismo, Rui Silva com bronze nos 1500 metros em Atenas 2004, Francis Obikwelu com  prata nos 100 metros de Atenas 2004 com 9,86 que ainda hoje é Recorde Olímpico e Europeu, António Leitão com bronze nos 5000 metros em Los Angeles 1984.
Os restantes medalhados nos Jogos Olímpicos mais recentes foram Fernando Pimenta e Emanuel Couto que nos Jogos Olímpicos de Londres 2012 conquistaram o 2º lugar e a respetiva medalha de prata em K2 1000, Vanessa Fernandes com prata no Triatlo em Pequim 2008, Sérgio Paulinho com prata no Ciclismo em Atenas 2004, Nuno Delgado com bronze no Judo nos Jogos de 2000 em Sydney, Hugo Rocha e Nuno Barreto em Vela 470 nos Jogos de 1996 em Atlanta, Armando Marques com prata no Tiro Fosso Olímpico em Montreal 1976.

Portugal no Voleibol de Praia nos Jogos Olímpicos (The Best of Beach Volleiball in Portugal in recent 50 years)
Miguel Maia João Brenha fizeram uma dupla fantástica no Voleibol de Praia, tendo registado o ponto mais alto das suas Carreiras Desportivas nos Jogos Olímpicos de Atlanta 1996 e em Sydney 2000, onde chegaram à 1/2 Final e alcançaram o 4º lugar em ambas as edições desses jogos. Miguel Maia, nascido em 23 de Abril de 1971 é um excelente distribuidor "indoor" e também na praia, sendo considerado por muitos o melhor Jogador Português de Voleibol de todos os tempos. Presentemente ainda se encontra no ativo, estando desde 2005 no Sporting de Espinho.
João Brenha fez parceria com Miguel Maia nos Jogos Olímpicos de Atlanta e em Sydney, tendo terminado a sua carreira como Jogador em 2010, no Sporting de Espinho.

No Ciclismo, para  além de Sérgio Paulinho e de Rui Costa, THE BEST tem que  sublinhar pelo menos mais dois nomes:
- José Azevedo - 5º lugar na Volta à Itália 2001, 6 º lugar na Volta à França 2002 e 5º na Volta à França 2004. Atualmente é o Diretor Desportivo da equipa Katusha;
Joaquim Agostinho, alcançou como melhores resultados, um 2º Lugar na Volta à Espanha de 1974, seguindo-se 3º lugar no "Tour de France" 1978 e mais um 3º lugar no "Tour de France" 1979, melhor registo de sempre alcançado por um Português na "Vuelta" e no "Tour". 

Aqui num pequeno Vídeo, recordamos Joaquim Agostinho quando venceu com perto de 2 minutos de avanço, a Etapa que terminou na Mítica subida do Alpe d'Huez na Volta à França de 1979. 
Tour 1979 - Joaquim Agostinho vence no "Alpe d´Huez" 
Glórias do Desporto Nacional - Recordamos ainda:
Atletismo (The Best of Athletics in Portugal in recent 50 years)
- Paulo Guerra
Nascido em 21 de Agosto de 1970, o Atleta de Barrancos foi o segundo melhor Português de sempre nos Mundiais de Corta Mato, sendo apenas batido em palmarés por Carlos Lopes. Paulo Guerra é mais jovem do que Carlos Lopes e por isso não competiram diretamente. Como melhores resultados em Campeonatos da Europa de Corta Mato e em Mundiais,  Paulo Guerra foi Campeão Europeu de Corta Mato em 4 ocasiões, nomeadamente nos anos de 1994 (realizou-se a 1ª edição), 1995, 1999 e 2000. Foi Vice Campeão Europeu em duas ocasiões, anos de 1996 e 2001. Como melhores resultados em Mundiais de Corta Mato, em 1995 foi 6º, em 1998 foi 12º, em 1999 foi 3º e em 2001 foi 4º. Quanto a Carlos Lopes recordamos que foi Campeão do Mundo de Corta Mato em 3 ocasiões, nomeadamente, anos de 1976, 1984, 1985 (Lisboa) e Vice Campeão do Mundo em 1977 e em 1983.
- Lenine Cunha - Atleta Português do Desporto adaptado, especialista nos 100 metros, salto em comprimento e Triplo Salto, é o Atleta Português mais medalhado de sempre com as cores nacionais. 
- Albertina Dias - Treinada por Bernardino Pereira, correu pelo Boavista (1983 - 1990) e pelo Maratona (1991 - 2000), foi Campeã do Mundo de Corta Mato em 1993 em Amorebieta (Espanha). Ainda em Mundiais de Corta Mato,  em 1990 conquistou a Prata (Aix-les-Bains) e em 1992 conquistou o Bronze (Boston);
- Albertina Machado - Maratonista com 2h32',57'' como melhor tempo na Maratona alcançado em Paris em 1996; na meia Maratona 1h13',57'' em Pombal no ano de 1999, nos 10 Km 31',46'',61 em Italia no ano de 1987 e 8´,53'',71 nos 3000 m em França (1987);
- Aurora Cunha - Foi Campeã Mundial de Estrada em 1984, 1985 e 1986, sendo esta última conseguida em Lisboa perante uma assistência de 30 000 espetadores. Nos Jogos Olímpicos de Los Angeles em 1988 conseguiu o 6º lugar nos 3000 metros, naquele que foi o seu melhor resultado de sempre na principal prova do desporto mundial. Em 1985 venceu a Taça do Mundo de Pista nos 10 000 metros.
- Manuela Machado, Ouro no Mundial de Maratona em Gutemburgo (Suécia) em 1995, Prata em Estugarda (Alemanha) 1993 e em Atenas (Grécia 1997). Foi ainda Campeã da Europa da Maratona em Helsínquia (Finlândia) 1994 e em Budapeste (Hungria) em 1998.

- Carlos Lisboa - Basquetebol (The Best of Basketball in Portugal in recent 50 years)
Melhor Jogador Português de Basquetebol de Todos os Tempos
Nascido a 23 de Junho de 1958, jogou pelo Sporting CP nos anos de 1975 a 1982, pelo CA Queluz de 1982 a 1984 e pelo SL Benfica, nos anos de 1984 a 1996.
Venceu o Campeonato Nacional por 14 vezes, 3 das quais ao serviço do Sporting, uma pelo CA Queluz e 10 pelo SL Benfica. Representou a Seleção Nacional em 46 ocasiões. Depois de terminada a carreira como Jogador, foi Treinador do Estoril e do Aveiro Basket. Atualmente é Diretor das Modalidades e Treinador do SL Benfica, tendo Triunfado como Treinador no Campeonato Nacional, nos anos de 2012, 2013, 2014 e 2015.

- João Garcia - Montanhismo / Alpinismo (The Best of Moutaineering and Rcck Climbing in Portugal in recent 50 years)
João Garcia, nascido em 11 de Junho de 1967, presentemente ainda no ativo, tornou-se o décimo Alpinista do Mundo a ascender às 14 Montanhas existentes no Planeta com mais de 8000 metros, todas sem recurso a oxigénio artificial e sem carregadores de altitude, quando em 17 de Abril de 2010 atingiu o cume do "Annapurna" (8091 metros), a última dessas montanhas que lhe faltava. Também já ascendeu aos "Seven Summits" (Sete Cumes). A ascenção que lhe trouxe mais fama, foi a Escalada ao Monte Everest, ponto mais alto do Planeta com 8848 metros, tendo sido o primeiro Português a atingir o cume no dia 18 de Maio de 1999.
João Garcia - Imperador da Montanha 
Palmarés  -  1994,  Dhaulagiri  (8167m);  1999, Monte  Everest  (8848m);  Gasherbrum II (8035m); 2004,  Gasherbrum I  (8068m);  2005,  Lhotse  (8516m);  2006,  Kanchenjunga (8586m); 2006, Kanchenjunga (8586m); 2007, K2 (8611m); 2008, Makalu (8463m); 2008, Broad  Peak  (8047m);  2009,  Manaslu  (8163m);  2009, Nanga  Parba t (8125m);  2010, Annapurna (8091m).

Bessone Basto - O Mais Eclético Campeão do Desporto Nacional 
É um versátil Atleta nascido em 9 de Novembro de 1945, especialista em diversas modalidades, uma das quais o Andebol. Foi Guarda Redes da Equipa de Andebol do Sporting Clube de Portugal que ficou conhecida com o epíteto de "Os Sete Magníficos" que, entre 1966 e 1973 obteve sete Títulos de Campeão Nacional. Representou a Seleção Nacional de Andebol em 45 ocasiões. 
Bessone Basto - O Mais Eclético Campeão
Bessone Basto foi também um Nadador Exímio e ainda o é presentemente, aos 70 anos de idade, participando em provas de "Águas Livres" na travessia do Tejo. Oriundo de uma família de desportistas, aos 3 anos de idade começou a praticar Natação no "Sport Algés e Dafundo", aos 8 realizou a primeira travessia do Tejo a nado e aos 12 alcançou a primeira internacionalização. Foi o melhor Nadador Português nos anos 60, com Títulos de Campeão em quase todas as distâncias e estilos. Soma 37 internacionalizações, tendo representado Portugal no Europeu de Leipzig em 1961 e nos Jogos Olímpicos de Tóquio em 1964.
Bessone Basto era ao mesmo tempo praticante de Polo Aquático, tendo alinhado pelo Algés e pelo Sporting Clube de Portugal e somado 10 internacionalizações.
Na década de 70 dedicou-se à Caça Submarina, modalidade na qual  foi 3 vezes Campeão Nacional individual, duas em duplas e 10 por equipas. alinhou 15 vezes pela Seleção Nacional, foi 7º no Mundial de 1975 e 2º no "Mundo Submerso" de 1976. É o maior exemplo de ecletismo do Desporto Português, tendo sido ainda praticante de Judo, Karaté, Basquetebol, Ténis, Ténis de Mesa e Râguebi, disputando uma Taça Ibérica ao serviço do Belenenses nesta Modalidade.
Ganhou mais de 1500 medalhas e troféus na sua carreira, tendo sido distinguido com a "Medalha de Mérito Desportivo" e com a "Medalha de Amizade" do Comité Olímpico Português.

- Baptista Pereira - Melhor Nadador Português de Sempre em Longas Distâncias
Joaquim Baptista Pereira (Alhandra, 7 de Março de 1921 - 22 de Junho de 1984), foi um prodígio na Natação de Fundo, tendo representado o "Alhandra Sporting Club".
Nos anos 50, tendo em vista a preparação para Travessia do Canal da Mancha, Baptista Pereira começa a percorrer longas distâncias a nado no Rio Tejo, tais como, de Lisboa até Vila Franca de Xira, Barreiro até Alhandra e de Peniche até às Berlengas. A 21 de Agosto de 1954 participou na Travessia do Canal da Mancha e para espanto de todos, foi o vencedor da Clássica Prova, o que foi um dos maiores feitos desportivos Portugueses até essa data.
Baptista Pereira - Prodígio na Natação de Longa Distância
Baptista Pereira realizou proezas desportivas notáveis, hoje praticamente impensáveis, tais como:
- Em 1936, com apenas 15 anos, efectua a primeira travessia do Tejo, tendo ficado em 3º lugar;
- Em 1937 baixa o seu recorde dos 400 metros livres, para  5 min e 5 seg;
- Em 1950 nadou 35 Km de Alhandra até Lisboa, em 5 horas e 4 minutos;
- Bateu o Recorde da Europa de Longa Distância e Permanência na Água, com 26 horas e 12 minutos, tendo percorrido 166 600 metros;
- Em 1953 bateu o recorde mundial da Travessia do Estreito de Gibraltar;
- Em 1954 bateu o recorde mundial da Travessia do Canal da Mancha;
- Em 1959 completou novamente a Travessia do Canal da Mancha;
- Em 1959 bateu novamente o Recorde da Europa de Longa Distância e Permanência na Água, percorrendo 206 Km em 28 horas e 42 minutos.
Referência: https://pt.wikipedia.org/wiki/Baptista_Pereira

THE BEST acredita que  os Jogos  Olímpicos que agora se iniciam,  poderão trazer boas 
novas a  Portugal. O  Beneditense  João Silva e o  Caldense  João Pereira, poderão sur- preender no Triatlo. O terceiro Atleta Português da Equipa Nacional de Triatlo Olímpico é Miguel Arraiolos.
Atualização em 18-08-2016: João Pereira conquista um excelente 5º Lugar na Prova de Triatlo dos Jogos do Rio 2016
Ficam os votos de uma Boa Campanha nos Jogos para toda a nossa comitiva! ;-) 

FORÇA PORTUGAL!
LT
Enviar um comentário