Bem vindos

Missão

Tentar destacar os melhores (ou os piores), nas diferentes temáticas, criando um espaço de livre debate.

quinta-feira, 3 de abril de 2014

IFD cria postos de trabalho com salários MILIONÁRIOS!!!!

Pois é!!! Realmente os atuais elementos do (des) governo Portugues têm, sem margem para duvidas, uma visão muito justa da Igualdade e da democracia!!!! Senão veja-se:
Segundo o Diário da República, 2.ª série - N.º 57 de 21 de março de 2014, por Despacho n.º 4211/2014, do Gabinete da Ministra, do MINISTÉRIO DAS FINANÇAS, a Resolução do Conselho de Ministros n.º 73/2013, de 14 de novembro, determinou “o processo de criação da Instituição Financeira de Desenvolvimento (IFD), que tem como objetivos contribuir para a concretização das políticas públicas de promoção do crescimento e emprego, visando o desenvolvimento inteligente, sustentável e inclusivo, melhorar as condições de financiamento da economia, e aperfeiçoar a arquitetura institucional dos instrumentos financeiros, através do aumento de eficácia dos instrumentos de financiamento da economia e da realização plena dos princípios da boa governação”.
Até aqui tudo bem mas, quando  tanto a “dita” ministra das finanças como o “dito” 1º Ministro continuam a apregoar que “a austeridade vai continuar e diz que não foge à regra”; “as medidas de austeridade “terão de se manter durante muito tempo”, e quando todas as estatísticas dizem que Portugal tem a maior taxa de Pobreza de que há memória, com  mais de 2.000.000 de pessoas, praticamente a passar fome, das quais, + de 300.000 são crianças, e a taxa de desemprego (publicitada) continua nos 15,3% (+/- 1.000.000 de pessoas sem trabalho), não se entende como se cria uma entidade que irá pagar a 3 dos seus elementos salários MILIONÁRIOS:
  • O Presidente da comissão instaladora, Paulo Azevedo Pereira da Silva, com limite de 13.500,00 € mensais;
  • A Vogal, Carla Maria de Castro Chousal, que fica a auferir uma remuneração mensal no valor de 12.515,44€.
  • O Vogal, Nuno Miguel de Ferreira Soares, que fica a auferir uma remuneração mensal no valor de 8.034,98€.
Então aqui já se utiliza velha máxima, aliás correta, "Pagar bem para Motivar e Produzir acima da Média"? Não seria justo e Inteligente aplicar este mesmo método aos trabalhadores em geral? Exigir maior produtividade e melhor qualidade, com um reforço da Motivação??? Não é do que, realmente, Portugal Precisa? Produzir mais e Melhor?
Pelos vistos a palavra Inteligência é completamente desconhecida para a grande maioria dos politicos, Corruptos e Incompetentes, que povoam a assembleia da republica!

Cada vez mais paises, nos 4 cantos do mundo, concluem que a Corrupção é o verdadeiro CANCRO do Mundo:
No entanto, em Portugal continua-se a defender essa corja de Bandidos que haverão, a nada ser feito, de destruir completamente Porutgal, como Pais Independente!!!!
Só mesmo em Portugal, é possivel isto acontecer!!!
JMP
Enviar um comentário