Bem vindos

Missão

Tentar destacar os melhores (ou os piores), nas diferentes temáticas, criando um espaço de livre debate.

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

Discurso do 1º Ministro - «Temos que fazer mais, muito mais do que estava previsto».

O primeiro-ministro anunciou, esta quinta-feira, novas medidas de austeridade para 2012 que fazem parte do próximo Orçamento do Estado. Entre as medidas estão cortes nos subsídios de férias e Natal para a administração pública e um alargamento no horário de trabalho.

O 1º Ministro referiu que «Vivemos, portanto um momento de emergência nacional».

O THEBESTS tem que se congratular com a coragem demonstrada pelo Sr. 1º Ministro de Portugal. Todos sabemos que os sacrifícios são necessários e Inevitáveis. No entanto, existem 2 ou 3 questões que teremos que recolocar (pois já foram colocadas, não só pelos THEBESTS mas também por muitos Portugueses):
  • Todos os Sacrifícios, pedidos aos Portugueses, alguns deles hoje divulgados, terão uma boa gestão e ajudarão, em grande escala, a resolver os Reais Problemas do País? 
  • Os Sacrifícios, hoje anunciados a todos os Portugueses, irão ser igualitários para todos ou apenas para uma parte do Povo Português? 
  • Todas as situações escandalosas e Aberrantes, de subsídios, que embora atribuídos de acordo com uma lei ambígua, não têm qualquer réstia de Legalidade vão continuar? Ou passará a haver um maior rigor e fiscalização na atribuição desses mesmos subsídios? 
  • E Responsáveis? Não Existem? Já estamos fartos de ouvir uma Cambada de IDIOTAS a afirmarem que a CULPA é da Crise Internacional e que todos os ANTERIORES GOVERNANTES não têm qualquer tipo de responsabilidades na situação actual de Portugal! 
  • Questionamos, mais uma vez, o Sr. 1º Ministro, se a Politica DÁ o DIREITO a qualquer pessoa, que nela esteja metida, de ROUBAR DESCARADAMENTE e de forma IMPUNE todo um País, prejudicando, drasticamente o seu Presente e o seu Futuro? 
  • Para quando a responsabilização de todos aqueles que, deste Pais e da boa vontade e pacatez do seu Povo, se têm Aproveitado de uma forma Criminosa?
Quem não age nesse campo é porque, das 2 uma, ou tem Medo (logo, é Covarde), ou então é cúmplice em todas as situações criminosas que têm ocorrido, no seio da politica Portuguesa, ao longo dos últimos 37 anos de “dita” democracia.
Sr. 1º Ministro, ainda vai a tempo!!! Actue como é sua Obrigação! Governe em todos os sentidos. Principalmente, na Defesa da Pátria de todos nós. Ganhe moral para fazer tudo o que é necessário de modo relevantar o Esplendor de Portugal!! Acabe com todas as situações que apenas o ENVERGONHAM e lhe Retiram legitimidade MORAL para agir! Se fizer isso, com certeza, voltara a ganhar a confiança e força do Povo Português (Honesto).
JMP
Enviar um comentário