Bem vindos

Missão

Tentar destacar os melhores (ou os piores), nas diferentes temáticas, criando um espaço de livre debate.

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Nobel da Economia Paul Krugman Alerta: Portugal não deve Conseguir Fugir à Bancarrota

Segundo notícia publicada no dia 19 de Agosto em "agenciafinanceira.iol.pt", Portugal não deve conseguir fugir à Bancarrota.
Paul Krugman, Pémio Nobel da Economia em 2008, alerta ainda para a probabilidade de 50% de saída da Grécia da Moeda Única (€). Já para a Itália, um cenário de saída do Euro terá uma probabilidade de 10%, mas a confirmar-se, seria uma catástrofe. Em Maio referiu que a probabilidade de a Espanha sair do Euro seria de 1%.

Transcrevemos o excerto da notícia publicada em "agenciafinanceira.iol.pt":
- "Há países que até deverão conseguir ultrapassar a crise sem prejuízos de maior, mas não será o caso de Portugal, Grécia e Irlanda, na opinião do economista e Nobel Paul Krugman.

Estes três países estão, «provavelmente, fundamentalmente insolventes» e terão de fazer uma «depreciação da dívida», argumentou, citado pela Bloomberg.

Já Espanha e Itália vão conseguir dar a volta por cima. «Há aqueles que, provavelmente, conseguirão ultrapassar» a crise, «desde que não haja pânico» e «mesmo que seja muito desagradável». E «esses seriam Espanha e Itália».
Probabilidade de sair do euro: Itália tem 10%, Grécia 50%
Para Krugman, é importante que os líderes europeus garantam aos mercados que os mecanismos de resgate e apoio aos países têm potência suficiente para conter a crise da dívida soberana fora de Espanha e Itália. E é «assustadora», avisa, a possibilidade de Itália abandonar a Zona Euro.

«As probabilidades de que a Itália seja forçada a sair» são «relativamente baixas, mas não são zero, serão talvez 10%, por isso é uma história assustadora»"

Paul Krugman

Portugal não deve conseguir fugir à bancarrota
Fonte: agenciafinanceira.iol.pt
Enviar um comentário