Bem vindos

Missão

Tentar destacar os melhores (ou os piores), nas diferentes temáticas, criando um espaço de livre debate.

terça-feira, 17 de maio de 2011

Ministros das Finanças da Zona Euro Aprovam Ajuda Externa de 78 Mil Milhões de Euros a Portugal

Ministros das Finanças da União Europeia ( UE ) aprovam Pacote de Ajuda Externa a Portugal

FMI, Banco Central Europeu e Comissão Europeia ( Troika ) aprovam o Plano de Resgate a Portugal que consiste na ajuda externa de 78 mil milhões de Euros.
Ministros das Finanças da Zona Euro reuniram ontem ( 2ª Feira ) e aprovaram ajuda de 78 mil milhões de euros a Portugal. Numa primeira fase essa ajuda será de 18 mil milhões de euros para que o Estado Português  possa desde já assegurar os pagamentos mais imediatos a credores diversos sobre o Estado Português.

O empréstimo da Troika agora aprovado, irá decorrer durante um período de 3 anos, período durante o qual Portugal tem que cumprir com o compromisso assumido perante a Troika e que básicamente consiste no cumprimento de um rigorosos Plano de Austeridade.

Pelo menos durante o referido perídodo de 3 anos em que vai decorrer o empréstimo, emissários europeus e do FMI virão a Portugal acompanhar e fiscalizar o cumprimento do Plano de Austeridade imposto pela Troika ao País.

Lembramos que a taxa de juro média a pagar pelo empréstimo é de 5,7% e que dos 78 mil milhões de euros emprestados pela Troika, 26 mil milhões de euros são financiados pelo FMI e os restantes 52 milhões de euros serão são financiados por Bruxelas, via Fundo Europeu de Estabilização Financeira (FEEF).
A taxa de juro cobrada pelo FMI é ligeuramente inferior à da União Europeia (BCE e Comissão Europeia), situando-se entre os 3,25 e os 4,25%  pelos 26 mil milhões de Euros. A Taxa de Juro cobrada pela União Europeia (UE) deverá rondar os 6% pelos 52 mil milhões de euros, situando-se a taxa média a pagar pelos 78 mil milhões de Euros nos 5,7%.

Enviar um comentário