Bem vindos

Missão

Tentar destacar os melhores (ou os piores), nas diferentes temáticas, criando um espaço de livre debate.

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Ministro das Finanças Teixeira dos Santos Foi Descartado Pelo Próprio Partido e Governo PS de Sócrates

Segundo notícias que têm vindo a público, o Ministro das Finanças Teixeira dos Santos não foi convidado para integrar as Listas do PS para as próximas Eleições Legislativas do dia 5 de Junho.
Teixeira dos Santos foi assim excluído das Listas do PS.
O Partido Socialista liderado por José Sócrates, não convidou Teixeira dos Santos para integrar as Listas para as próximas Eleições Legislativas, facto que carece de um comentário e de uma explicação urgente por parte do Partido Socialista.
O Partido Socialista é um Partido Popular, um histórico e uma referência da Democracia Portuguesa, tendo  por este motivo, uma responsabilidade e uma obrigação acrescida perante os Portugueses, no que concerne a dar uma explicação ou a prestar um esclarecimento ao Povo Português. Se os Portugueses elegem um Partido, esse partido tem a obrigação de apresentar contas e de dar explicações aos que os elegeram. Os Portugueses, eleitores do PS ou não, tem que ser respeitados e considerados e o povo exige explicações!

Teixeira dos Santos era talvez o Ministro que estava mais próximo de José Sócrates e ambos constituíam uma dupla cúmplice e coesa. Existindo uma tão grande proximidade entre José Sócrates e Teixeira dos Santos, não se compreende porque é que Sócrates descartou agora o seu "amigo e fiel escudeiro" Teixeira dos Santos?
Se Teixeira dos Santos não foi convidado a integrar as Listas do PS para as próximas eleições, é porque passou de bestial a "besta" . Ou seja, se o Partido Socialista não convida o Ministro Teixeira dos Santos para integrar as listas, é porque Teixeira dos Santos não teve o desempenho que era esperado, tendo comprometido o interesse nacional. Daqui decorre que o PS está a admitir implicitamente que o Ministro Teixeira dos Santos tem responsabilidade na actual crise financeira gravíssima em que o País mergulhou. Uma vez que Teixeira dos Santos faz parte do Governo (equipa) PS, então o PS também é responsável pela actual situação de grave crise financeira e Social em que Portugal se encontra.

É preciso e é urgente que o PS assuma e que dê explicações ao País sobre o porquê de ter descartado desta forma o Ministro Teixeira dos Santos. Não se descarta assim um amigo e camarada do Partido que está no Governo há 6 anos. Estamos em véspera de eleiçõs e se o PS quer vencer, deve assumir e explicar porque descartou o seu Ministro das Finanças Teixeira dos Santos. O PS tem que dar uma explicação ao seu eleitorado, bem como a  todos aqueles que pretende conquistar como eleitores, assim como aos restantes cidadãos deste País.
Até dá a ideia de que o PS para justificar eventuais práticas erradas e más opções políticas do Partido, queira agora encontrar um "bode expiatório" na pessoa do Senhor Ministro das Finanças.
O povo não dorme, o povo é sábio, o povo tem o direito a ser informado e o povo exige explicações. Exigimos que assumam e exigimos explicações com urgência.
A Democracia Portuguesa não se esgota no PS e existem mais Partidos Políticos onde poderemos votar para além do PS.
Filipa Bragança
Enviar um comentário