Bem vindos

Missão

Tentar destacar os melhores (ou os piores), nas diferentes temáticas, criando um espaço de livre debate.

sábado, 9 de abril de 2011

José Sócrates em Congresso do PS questiona - Não seria melhor se o Cargo do Líder do PSD fosse rotativo?

Pontos a sublinhar até ao momento no Congresso do PS que decorre durante o presente fim de semana em Matosinhos

1- No Congresso do PS que decorre este fim de semana em Matosinhos, pronunciando-se quanto a uma alegada instabilidade na Liderança do PSD, José Sócrates interroga-se, se não seria melhor se o cargo de Lider do PSD fosse rotativo?
2- José Sócrates faz um cerrado ataque ao PSD e acusa a oposição de responsabilidade pela Entrada do FMI em Portugal.
3- José Sócrates pede o apoio e a mobilização do Partido Socialista e perante um Congresso galvanizado pelas palavras do seu Líder, Sócrates recebe uma estrondosa ovação e manifestação de apoio incondicional do eleitorado presente no Congresso.

Questões:
a) Não terá sido José Sócrates o Responsável pela abertura da Crise Política em Portugal ao ter negociado em segredo o PEC 4 com responsáveis da Europa, sem dar conhecimento prévio aos partidos da oposição e ao Presidente da República?
b) Uma vez que o Governo de José Sócrates não tem a maioria absoluta no Parlamento, antes da apresentação e da negociação do PEC 4 com a Europa, não terá sido legítimo da parte dos Partidos da Oposição, não perdoarem a Sócrates pelo facto de não ter existido diálogo e um acordo prévio com esse mesmos partidos da oposição e com o Presidente da República?
c) Não teria Sócrates o dever institucional e moral de negociar previamente o PEC 4 com os Partidos da oposição e dar conhecimento ao Presidente da República?
d) Sendo o PS um Partido de referência na Democracia Portuguesa, será Sócrates o Líder ideal e digno de liderar um Partido com a dimensão e história do PS em Portugal?
e) Não será Sócrates hábil na arte da ilusão e de condução das massas do eleitorado PS que, de uma forma algo irracional e quase em transe seguem incondicionalmente o seu Líder?
f) Um Líder hábil na arte de criar a ilusão e de provocar um estado de transe generalizado em todos aqueleles que o seguem, não será um perigo para uma Governação que deverá ser rigorosa, justa, inteligente, humana e racional ao nível da gestão e da optimização de todos os  Recursos Nacionais?
José Luís Magalhães

Enviar um comentário