Bem vindos

Missão

Tentar destacar os melhores (ou os piores), nas diferentes temáticas, criando um espaço de livre debate.

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Foram hoje detidos para interrogatório sete ( 7 ) militares responsáveis pelo 127 º Curso de Comandos onde morreram recentemente os Jovens Instruendos Hugo Abreu e Dylan da Silva

Segundo notícia divulgada hoje por diferentes orgãos de comunicação social, como por exemplo em informação RTP, foram hoje detidos para interrogatório, cinco (5) oficiais e dois (2) sargentos do 127º Curso de Comandos, na sequência da investigação às mortes dos dois jovens militares instruendos, Hugo Abreu e Dylan da Silva que aos 20 anos de idade perderam a vida no referido Curso. 
Segundo a notícia da RTP, "Os detidos esta quinta-feira, são um tenente-coronel, um capitão, três tenentes e dois sargentos. Os militares foram detidos já na condição de arguidos para serem interrogados e transferidos para o Estabelecimento Prisional de Tomar.
Detidos cinco oficiais e dois sargentos dos Comandos
                                Foto: Hazir Reka - Reuters
A RTP apurou que o tenente-coronel Mário Maia, diretor do curso, e o capitão Miguel Onofre Domingues, médico responsável pelo curso, estão entre os detidos.
Os tenentes Hugo Pereira e Miguel Almeida, responsáveis pelos grupos de Hugo Abreu e Dylan Araújo da Silva, também foram detidos, bem como os sargentos Ricardo Rodrigues e Nuno Pinto, que chefiavam os grupos em complementaridade com os oficiais. Os arguidos só serão presentes a juiz na sexta feira."
Hugo Abreu e Dylan da Silva, dois anos antes da morte como instruendos no 127º curso de Comandos, tinham apenas 18 anos de idade e encontravam-se assim terminar a escolaridade obrigatória na qual as atividades físicas são em princípio ministradas por professores de Educação Física licenciados com habilitação própria para as escolas públicas e privadas.
Enviar um comentário