Bem vindos

Missão

Tentar destacar os melhores (ou os piores), nas diferentes temáticas, criando um espaço de livre debate.

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Motores - Pikes Peak - " Mano a Mano ": Walter Rohrl ( Audi Quattro S1 - Grupo B ) vs Sebastian Loeb ( Peugeot 208 T16 )

"Mano a Mano" em Pikes Peak: Walter Rohrl ( Audi Sport Quattro S1 - Grupo B ) vs Sebastian Loeb (Peugeot 208 T16 Pikes Peak) 


Qual é o melhor tempo que constitui recorde na subida de Pikes Peak?

THE BEST coloca Frente a Frente, num curioso "Mano a Mano" na mítica subida de "Pikes Peak" em Colorado  Springs, EUA, dois  Pilotos Grandiosos na História do Campeonato do Mundo de  Ralis em  momentos  diferentes,  Walter  Rohrl em 1997 e  Sebastian  Loeb  em 2013:
- Walter Rohrl (1987), Campeão Mundial de Ralis no ano de 1980 em Fiat 131 Abarth, mas também no "Tempo dos Super Carros" do Grupo B em que foi Campeão do Mundo de Ralis em 1982 num "Opel  Ascona 400", logo no ano de chegada dos poderosos Audi Quattro  ao Campeonato do Mundo;
                                            Walter Rohrl (1987) - Audi Quatro S1

                                                                         vs

- Sebastian Loeb (2013), maior Piloto de sempre no Campeonato de Mundo de Ralis, com nove ( 9 ) Títulos consecutivos de Campeão do Mundo Conquistados entre os anos de 2004 e 2012.                   
                                       Sebastian Loeb (2013) - Peugeot 208 T16
Referência: https://pt.wikipedia.org/wiki/Subida_de_Pikes_Peak

Quem terá Vencido?
Tempos alcançados: 10,47,850 minutos e 8,13,878 minutos.

Qual é o tempo de Rohrl e de Loeb?
R: Pois bem, pese embora Rohrl ter tirado da garagem o "Monstro" Audi Quattro que corria numa Classe do Campeonato do Mundo de Ralis, "Grupo B", que foi abolida no final de 1986, porque se tratavam de carros que na altura já tinham mais de 500 cv de potencia e como tal, eram "autênticos Fórmula 1" a correr entre árvores, será que ele venceu?. Acidentes fatais que envolveram carros do Grupo B no campeonato do Mundo de 1986, ditaram a extinção do Grupo B, por motivo de segurança. Nesse ano de 1986, o Lancia Delta S4 do Grupo B foi testado no Autódromo do Estoril pelas mãos do falecido Henri Toivonen, e conseguiu um tempo que lhe daria a 6ª posição na grelha de partida do Grande Prémio de F1 de Portugal realizado nesse ano.

Para terminar, Sebastian Loeb em 2013, em Peugeot 208 T16 com 875 cv, realizou na subida de Pikes Peak o tempo "quase impossível" de 8,13,878 minutos, batendo por mais de um minuto e meio o melhor tempo de 2011 que era do Japonês Nobuhiro Tajima com 9,51,278,minutos, assim como melhorou o recorde anterior que datava de 2012 e que era de 9,46,18 minutos em Hyundai Genesis Coupé 2WD. 
É contudo de salientar o pormenor importante que consiste no facto de Sebastian Loeb em 2013 ter realizado o seu recorde quando o piso já era totalmente em alcatrão, em 2011 havia apenas algumas pequenas partes da subida de Pikes Peak em terra batida, mas em 1986 quando Walter Rohrl realizou o melhor tempo na subida, o piso era totalmente em terra batida.

Pikes Peak constitui desde 1916 um enorme desafio para pilotos e máquinas, sendo um local onde anualmente muitos se deslocam para participar, ou simplesmente para assistir à prestação de inúmeros pilotos.

Em 2013, o Francês Sebastian Loeb, melhor Pilotos de Ralis de sempre,  "pulveriza" literalmente o anterior máximo por mais de um minuto e meio (1,33 minutos), o que deve dar margem suficiente para que durante muitos anos, ninguém consiga bater o "Recorde Impossível" de Loeb.
Referência: http://forum.autoportal.iol.pt/viewtopic.php?t=6498

Nota: O Histórico de resultados na mítica subida pode ser consultado em https://pt.wikipedia.org/wiki/Subida_de_Pikes_Peak
LT
Enviar um comentário