Bem vindos

Missão

Tentar destacar os melhores (ou os piores), nas diferentes temáticas, criando um espaço de livre debate.

sexta-feira, 17 de junho de 2016

Conceito de Imparidade Bancária - O que são imparidades?

O que é a Imparidade Bancária?

A Imparidade Bancária é um termo muito utilizado nos últimos tempos pelos orgãos de comunicação social, a propósito de grandes dívidas de clientes, empresas ou grupos económicos, a instituições de crédito, como são por exemplo as dívidas incobráveis contraídas junto do Novo Banco e também da Caixa Geral de Depósitos! A imparidade bancária da Caixa Geral de Depósitos situa-se presentemente nos 2,3 Mil Milhões de Euros e existem alguns grandes devedores bem conhecidos, como são os 9 maiores devedores que totalizam  912,1 Milhões de Euros e que são respetivamente:
- Grupo Artlant 476,4 Milhões;
- Grupo Efacec 303,2 Milhões;
- Vale de Lobo 282,9 Milhões;
- Auto Estradas Douro Litoral 271,3 Milhões;
- Grupo Espírito Santo 237,1 Milhões;
- Grupo Lena 225 Milhões;
- Grupo António Mosquito 178 Milhões;
- Reyal Urbis 166,6 Milhões;
- Finpro SCR 123,9 Milhões.

Imparidades Bancárias são créditos bancários incobráveis, ou seja, são empréstimos bancários que um banco em determinada altura concedeu, mas que já não vai conseguir cobrar! Quem contraiu a dívida entra em incumprimento perante a Lei porque não paga a dívida e o banco fica com a perda!

Fonte:
Enviar um comentário