Bem vindos

Missão

Tentar destacar os melhores (ou os piores), nas diferentes temáticas, criando um espaço de livre debate.

quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Judite de Sousa em Entrevista a Antigo Governador do Banco de Portugal, Jacinto Nunes: Quantos Funcionários Públicos São Precisos Ainda Despedir para Portugal Ultrapassar a Crise? 50 Mil? 100 Mil?

Puxão de Orelhas a Judite de Sousa!

Em entrevista conduzida por Judite de Sousa no Jornal da TVI a Jacinto Nunes, antigo Governador do Banco de Portugal, a dada altura Judite de Sousa pergunta:

- Judite de SousaQuantos Funcionários Públicos é preciso despedir para Portugal ultrapassar a crise?  O Ministro das Finanças Vitor Gaspar disse que serão entre 50 000 a 100 000.
- Jacinto Nunes: Não disponho de informação para lhe responder a essa questão.

Interpretação THE BESTS: A prestigiada Jornalista Judite de Sousa revelou uma brutal falta de visão e um profundo desrespeito para com todos os Funcionários Públicos, ao colocar a questão nestes termos, dando a ideia de que os Funcionários Públicos serão os responsáveis pelo estado de calamidade profunda em que o País se encontra e que por esse motivo deverão ser descartados aos milhares!

THE BESTS quer lembrar a esta senhora jornalista que os Funcionários Públicos, assim como todos os trabalhadores Portugueses, exercem profissões dignas, não são simples números e exigem ser respeitados. Não é pelo facto de a Senhora Jornalista auferir um salário que deverá ser superior a € 10 000 por mês, que terá o direito de tratar com tamanha irresponsabilidade e leviandade um assunto tão sério.
Não são os Funcionários Púlicos os responsáveis pela actual crise em que o País se encontra, mas sim a corja de maus políticos e gestores corruptos que ao longo dos tempos não têm sabido gerir com justiça, equilíbrio e sensatez, os recursos e os destinos de Portugal, assim como pessoas como a senhora que auferiu um salário principesco na Empresa Pública RTP, contribuindo para cavar um buraco orçamental que os mesmos funcionários públicos que a senhora desrespeita têm agora o castigo de solucionar, para além de durante anos terem contribuido pata pagar o seu salário na RTP.

Os Funcionários Públicos não tem que ser despedidos! Quanto muito, o número de admissões é que terá de ser reduzido!
Enviar um comentário